5 passos para abrir um negócio

Tempo de leitura: 4 minutos

Compartilhe

Resumo:
Neste artigo, iremos apresentar um passo a passo prático e explicativo sobre como abrir um negócio corretamente.

Você  sente aquele frio na barriga sempre que pensa em abrir seu próprio negócio? Isso é bom, pois significa que você tem paixão pela ideia que deseja empreender. Use esse sentimento para buscar cada vez mais informações relevantes, como as que você irá encontrar aqui: os 5 passos para abrir um negócio!

Este roteiro tem como objetivo servir como um guia básico para quem está interessado em abrir negócio próprio. Contudo, lembre-se que você não deve ter como base apenas um conteúdo. É importante estudar o máximo de materiais que você encontrar para ter várias perspectivas e conhecimentos diferentes.

Sem mais delongas, confira abaixo os principais 5 passos para abrir um negócio!

Passo 1 – Crie um plano e um modelo de negócio

Antes de tudo, é preciso se certificar de que você sabe muito bem o que irá fazer. Afinal, você não quer falir seu negócio logo após a sua abertura, certo? Muitos empreendedores cometem o erro de não compreenderem o próprio negócio e acabam fechando suas portas rapidamente.

Para evitar que isso aconteça, é importante elaborar um plano de negócios e um modelo de negócio.

No plano de negócios, você deve estabelecer algumas das principais diretrizes de sua futura empresa, como por exemplo: a missão do negócio; a persona ou público-alvo; as vantagens e diferenciais dos produtos/serviços; plano de marketing; plano financeiro; análise do segmento e dos concorrentes; definição dos processos; e análise dos possíveis fornecedores.

Já o modelo de negócios em Canvas, tem como intuito descrever todos os elementos e fases que fazem parte de um empreendimento. Ele é dividido em blocos 9 organizados: Proposta de valor; Segmento de clientes; Canais; Relacionamento com clientes; Atividade-chave; Recursos principais; Parcerias principais; Fontes de receita; e Estrutura de custos.

Passo 2 – Escolha o tipo de negócio para abrir

Compreender seu futuro empreendimento e ter uma ferramenta para visualizá-lo bem irá lhe ajudar a decidir sobre qual negócio abrir, segundo o seu porte. O que isso significa? Que você precisará escolher entre os tipos mais comuns para iniciar: EPP, ME ou MEI.

A EPP (Empresa de Pequeno Porte) é a maior das opções e pode ter o Simples Nacional como seu regime tributário. Para ser classificada como EPP, ela deve faturar de R$ 360 mil até R$ 4,8 milhões por ano.

A ME (Microempresa) pode faturar até R$ 360 mil por ano e também pode fazer parte do Simples Nacional. Além disso, pode ter mais de um sócio, pode emitir quantas notas fiscais desejar e pode exercer a maioria das atividades permitidas para empresas maiores.

O MEI (Microempreendedor Individual) é o mais recente de todos e foi criado para regularizar os profissionais que trabalham de forma autônoma. Ele possui um sistema muito mais prático e simples, pois não é obrigado a emitir notas fiscais e não precisa de contador. Contudo, o máximo de faturamento anual permitido é R$ 81 mil e existe um número limitado de atividades que podem ser exercidas.

Passo 3 – Atente-se às legislações necessárias

A parte burocrática é a que mais irrita os empreendedores, pois é necessário prestar muita atenção e estar atualizado sobre as legislações regionais e federais. Também é preciso estudar bem o regime tributário em que seu negócio será inserido.

Além disso, é importante reforçar que os processos podem variar de acordo com o município.         

Para correr das dores de cabeça, anote todas as etapas burocráticas em ordem cronológica. Registre quais documentos são necessários e o que você precisa fazer em cada uma dessas etapas.

Depois de fazer isso, já providencie toda a documentação em questão com antecedência. Assim, você consegue identificar problemas antes do processo iniciar e ainda agiliza as etapas quando elas ocorrerem de fato.

Geralmente, tudo começa com o registro no cartório civil e depois com a criação do Contrato Social. Em seguida, você precisa atender à Junta Comercial e tirar o seu CNPJ, assim como realizar o cadastro na Previdência Social. Por fim, pode ser necessário obter licenças e alvarás. Tudo depende do porte de sua empresa e do regime tributário escolhido.

Passo 4 – Considere os custos de abertura

Lá no seu plano e modelo de negócios, você já deve ter registrado o seu planejamento financeiro, seu orçamento e outras considerações ligadas às finanças. No entanto, é muito importante não esquecer dos custos necessários para abrir o negócio.

Muitos empreendedores acabam gastando bem mais do que imaginavam na abertura da empresa, o que afeta diretamente o resto do orçamento e pode até atrasar o início do funcionamento da empresa. Dessa forma, pesquise os valores relacionados à burocracia e planeje esses gastos também.

Passo 5 – Gere antecipação para a inauguração

Não importa se o seu empreendimento funcionará presencialmente, digitalmente ou das duas formas. O importante é começar as ações de marketing desde antes de sua inauguração. Você pode usar métodos tradicionais, como outdoors, panfletos, totens etc., e/ou o marketing digital.

Isso é vantajoso porque gera antecipação e curiosidade no público, além de iniciar a aproximação com a sua marca.

Para fazer isso a partir do marketing digital, você pode realizar uma contagem regressiva nas redes sociais, explicando seu produto/serviço. Também pode ser interessante iniciar uma pré-venda com descontos ou algo nesse sentido.

Ao seguir esses 5 passos para abrir um negócio, você já tem uma boa base para iniciar sua jornada de empreendedor. Lembrando que o ideal é procurar informação em diversos tipos de conteúdos e ferramentas para ficar ainda mais preparado.

Felizmente, você também pode contar com o SEBRAE/PR para começar seu negócio do zero. Além dos nossos conteúdos regulares, nós temos outros materiais e serviços gratuitos que podem ser cruciais para seu negócio.


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você possa gostar:

Conheça também

Ou navegue pelos nossos conteúdos gratuítos

Menu

Pesquise em nosso site