Essa é uma exigência de mercado cada vez mais presente. Além de otimizar seus recursos faz parte da construção da imagem da sua marca. Com uma gestão sustentável e ações que promovem o cuidado com a natureza e bem-estar às pessoas, podemos agregar valor aos produtos e melhorar o relacionamento junto à sociedade.

Sabe aquela marca que você admira pelas boas práticas ambientais, sociais e econômicas?

Com certeza fizeram o seu dever de casa e projetaram seu ecossistema interno pensando na sustentabilidade como um ativo para a sua empresa.

A preocupação com tudo o que faz parte de sua empresa e que está ao seu redor é essencial para atrair e fidelizar os clientes certos. Uma administração consciente de recursos proporciona retorno econômico direto para a sua empresa, sociedade e meio ambiente.

Medidas como o gerenciamento de resíduos e sistemas sustentáveis para lidar com a água, o ar e o solo podem gerar economia a longo prazo, através de práticas como o reaproveitamento e o uso racional. Além disso, questões como eficiência energética atreladas à gestão da sustentabilidade podem auxiliar em aspectos como licenciamento ambiental e certificações para participar de processos competitivos, expandindo o cenário de atuação.

O bem-estar de colaboradores também precisa estar em pauta em ações de saúde e segurança no trabalho, tanto para garantir produtividade e motivação no público interno, como para demonstrar valores humanos para todos os públicos que envolvem a sua marca.

Áreas da Sustentabilidade

Água, Ar e Solo

INVENTÁRIO DE EMISSÕES E REMOÇÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA – GEE

Inventariar a emissão de GEE, contribuindo para ecoeficiência e redução nos custos. Buscar certificações ambientais, cumprindo regulações quando obrigatório, e possibilitar submissão ao Registro Público de Emissões e Remoções do GHG Protocol.

ISA – INDICADORES DE SUSTENTABILIDADE DE AGROECOSSITSTEMAS

Melhorar a gestão para garantir a sustentabilidade e otimizar o uso de recursos naturais. Atender às demandas de água e reduzir custos de produção. Gerir o território a partir de indicadores mensuráveis, que possibilitem reavaliações posteriores.

 OTIMIZAÇÃO DE USO DOS RECURSOS HÍDRICOS – GESTÃO DE ÁGUA

Otimizar o uso da água de forma sustentável, atendendo às expectativas do cliente em qualidade e prazos. Reduzir os custos e despesas da propriedade, gerando ainda um aumento de produção.

OUTORGA DE ÁGUA PARA USO EM AQUICULTURA

Atender às expectativas do cliente em qualidade e prazos, reduzindo custos e despesas da propriedade para minimizar o consumo de água de maneira sustentável.

OUTORGA DE ÁGUA SUBTERRÂNEA

Otimizar a captação legal e segura de água subterrânea, minimizando impactos ambientais e o risco de perfurar poços improdutivos. Subsidiar o orçamento, a otimização de custos e o retorno de investimentos em perfuração, revestimento e instalações.

PLANO DE RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS (PRAD)

Recuperar a cobertura vegetal em área degradada, garantindo a proteção contra erosão e assoreamento de rios e córregos. Estar de acordo com a legislação e evitar consequências indesejadas, como esterilidade do solo e desmoronamentos de áreas.

IMPLANTAÇÃO E MANEJO DE SISTEMAS SUSTENTÁVEIS DE IRRIGAÇÃO

Planejar ações necessárias para a implantação de Sistema de Irrigação Sustentável, reduzindo custos e a quantidade de água utilizada. Demonstrar comprometimento com um plano de irrigação caso haja necessidade de licenciamento ambiental.

Eficiência Energética

DIAGNÓSTICO ENERGÉTICO DE MOTORES ELÉTRICOS

Avaliar o funcionamento dos motores elétricos e indicar oportunidades de melhorias para a redução de custos com energia, reduzindo custos por maior eficiência e poupando recursos naturais. Há retorno sobre investimento e redução de manutenção.

MELHORIA DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E FONTES DE ENERGIA ALTERNATIVAS

Otimizar o uso de energia com consequente melhoria do desempenho, redução de custos e minimização do impacto ambiental. Minimizar desperdícios e aumentar o desempenho de equipamentos e instalações elétricas, com maior controle do consumo energético.

ENERGIA EÓLICA

Elaborar roteiro para instalação de um sistema de geração própria utilizando a fonte de energia eólica, reduzindo impactos ambientais e os custos fixos da empresa. Diminuir também perdas técnicas e ganhar visibilidade de mercado.

ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

Elaborar projeto para instalação de sistema de energia fotovoltaica. Aprovar o projeto junto à concessionária de energia local, possibilitando geração própria de energia, com redução de custos com energia elétrica e menos variabilidade na tarifa.

ADEQUAÇÃO PARA ETIQUETAGEM EM USO EFICIENTE DE ENERGIA EM EDIFÍCIOS (PROCEL EDIFICA) – PROJETO OU CONSTRUÇÃO

Auxiliar na implantação dos critérios do RTQ-C. Adequar o projeto para a redução do consumo de energia elétrica, motivando o consumidor a adquirir e utilizar imóveis mais eficientes.

Gestão da Sustentabilidade

ACESSIBILIDADE – PROJETO DE ADAPTAÇÃO DE ESPAÇO FÍSICO

Auxiliar na implantação dos critérios e parâmetros técnicos para acessibilidade com relação ao projeto, construção, instalação e adaptação. Possibilitar o acesso de qualquer pessoa de maneira independente e segura, cumprindo a obrigatoriedade legal.

CADASTRO AMBIENTE RURAL (CAR)

Regularizar a propriedade com mapeamento de processos e adequação da documentação para atender à legislação. Obter o número do protocolo CAR ou Relatório de Orientação e propiciar equilíbrio de fauna e flora com acompanhamento dos ativos ambientais.

IMPLANTAÇÃO DA NORMA ABNT NBR ISO 14001:2015 – SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

Aplicar um sistema de gestão da sustentabilidade conforme os requisitos da norma ABNT NBR ISO 14001:2015, visando certificação e melhor desempenho ambiental. Reduzir os impactos negativos, com processos, produtos e serviços ecologicamente corretos.

IMPLANTAÇÃO DE AVALIAÇÃO DE IMPACTO SOCIAL E AMBIENTAL

Aumentar a competitividade por meio da diferenciação no mercado de atuação. Auxiliar na seleção de ferramentas de avaliação de impacto social e ambiental, bem como seus respectivos indicadores apropriados ao perfil do negócio.

LICENCIAMENTO AMBIENTAL

Regularizar a empresa e reduzir riscos de sanções penais e interdições, evitando crime ambiental. Possível redução de custos e acesso a créditos e linhas de financiamento. Aumentar a competitividade, habilitando o fornecimento para grandes empresas.

PLANO DE CONTROLE AMBIENTAL

Identificar os aspectos e impactos ambientais gerados pela atividade, diminuindo e controlando danos ao meio ambiente decorrentes da instalação e operação do empreendimento.

REDUÇÃO DE DESPERDÍCIO NOS PEQUENOS NEGÓCIOS

Maior conhecimento sobre o ciclo produtivo, reduzindo gastos com insumos. Melhorar a capacidade produtiva com menores custos e maior produção, ampliando a rentabilidade e competitividade. Validar o sucesso de iniciativas próprias já implementadas.

Saúde e Segurança no Trabalho

IMPLANTAÇÃO DOS REQUISITOS DA NORMA OHSAS 18001 / ISO 45001

Estabelecer mecanismos de controle sobre riscos para Saúde e Segurança do Trabalho (SST), visando à melhoria contínua da empresa. Diagnosticar, planejar e assessorar empresas para atender as normas OSHAS 18001:2013/ ISO 45001:2018.

SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO

Adequação à legislação trabalhista, PPRA, do PCMSO e do LTCAT, a empresa irá obter o registro dos dados no formato adequado para cumprimento do e-Social, quando necessário. Além de preservar a saúde e integridade do trabalhador. Também obtém LAUDO DE INSALUBRIDADE para regularização e adequação da empresa quanto à prevenção dos riscos de saúde e segurança ocupacional; e LAUDO DE PERICULOSIDADE para comprovação das condições ambientais em que o colaborador se encontra dentro da empresa na qual ele trabalha, que poderão dar direito ao adicional de Periculosidade sob a ótica da legislação trabalhista e NR 16.

PROJETO DE COMBATE A INCÊNDIO E PÂNICO

Consultoria para obter Alvará e atender exigências de seguradoras. Promover a segurança da edificação e dos habitantes, reduzindo riscos de sanções penais e interdições. Habilitar fornecimento para grandes empresas e acesso a crédito e financiamento.

ADEQUAÇÃO À NR 10 – INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

Estudos e inspeção especializada para adequação dos procedimentos, serviços e gestão de trabalhos realizados nas empresas à legislação e normas regulamentadoras de segurança de saúde do trabalho em serviços com eletricidade (NR 10).

ADEQUEÇÃO À NR 12 – SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

Orientação a empresa para a adequação à Norma Regulamentadora 12 que estabelece normas de segurança para a operação de Máquinas e Equipamentos industriais além de direcionar para sua correta fabricação importação, comercialização, exposição e cessão, garantindo a saúde e a integridade física dos trabalhadores.

Resíduos

CONSULTORIA PARA APROVEITAMENTO DE BIOMASSA

Economizar nos custos de operação agrícola, podendo prever o tamanho da área em que o solo está sendo recomposto, bem como a quantidade de resíduo utilizado de forma adequada e a biomassa produzida.

CONSULTORIA PARA SISTEMA DE VERMICOMPOSTAGEM MINHOCULTURA

Criar minhocas para comercialização e adubo orgânico para venda ou consumo próprio. Dar aos resíduos orgânicos gerados na empresa a destinação correta, utilizando a decomposição.

CONSULTORIA PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA UNIDADE DE PROCESSAMENTO DE MATÉRIA ORGÂNICA – COMPOSTAGEM

Orientar para a instalação de uma unidade de compostagem, utilizando técnicas de processamento da matéria orgânica disponível. Destinar resíduos orgânicos ao processo de reaproveitamento, diminuindo a pressão sobre os aterros sanitários.

CONSULTORIA PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO E UTILIZAÇÃO DE BIOFERTILIZANTES

Planejar a quantidade de resíduos tratados de forma adequada, bem como a geração e comercialização de biofertilizantes. Projetar a quantidade não-emitida de gases de efeito estufa.

GESTÃO DE EFLUENTES LÍQUIDOS

Regularizar a empresa para atender à legislação e obter certificações, reduzindo riscos de multas e interdições. Orientar para organização e saneamento da empresa, gerando possível redução de custos e despesas e melhor imagem perante o mercado.

CONSULTORIA PARA IMPLANTAÇÃO DE BIODIGESTORES

Projetar a quantidade de gases de efeito estufa não emitidos e a redução no uso de energia não sustentável. Prever a quantidade de resíduos tratados de forma adequada, a produção e comercialização de biofertilizantes e, também, a geração de energia.

PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

Auxiliar no atendimento à legislação e redução do impacto ambiental, com possível redução de custos e novas oportunidades com a comercialização de materiais recicláveis. Reforçar a responsabilidade com o meio ambiente e melhorar a imagem no mercado.

PROJETO DE FOSSAS SÉPTICAS

Elaborar projeto para tratar os efluentes domésticos evitando a poluição do solo e corpos hídricos. Garantir a sustentabilidade e melhorar a produção com o uso de um biofertilizante orgânico, reduzindo a veiculação de doenças transmissíveis.

CONSULTORIA PARA PLANO DE SISTEMA INTEGRADO DE PRODUÇÃO E UTILIZAÇÃO DE RESÍDUOS ORGÂNICOS

Aumentar o tamanho da área produtiva (ha) da produção orgânica e também a produtividade em si (t/ha). Controlar a quantidade e tipos de insumos aproveitados no SIPA (kg ou t/componente), gerando economia na aquisição de insumos.