Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightVarejo keyboard_arrow_rightArtigos

Setor da moda: saiba quais itens se tornaram mais buscados no varejo

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Vianafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt5
Setor da moda: saiba quais itens se tornaram mais buscados no varejo
5 pessoas curtiram esse artigo
Criado em 25 AGO. 2021
text_decreaseformat_color_texttext_increase

A pandemia trouxe muitas mudanças na vida de todos, seja em relacionamentos, rotina ou trabalho, e isso não seria diferente com a nossa maneira de se vestir. No isolamento social, a maioria das pessoas deixou o dress code da empresa de lado para investir em looks mais simples e confortáveis, aderindo mais chinelos e tênis masculinos e femininos, no lugar de sapatos, por exemplo. E, na esteira desse comportamento, os hábitos de consumo mudaram.

Com mais tempo em casa e conectadas, as pessoas também estão mais propensas a pesquisar sobre produtos e serviços na internet. De acordo com o Google Survey, 88% dos shoppers conectados da categoria pesquisam online antes de efetivar uma compra. Além disso, três a cada quatro consumidores no Brasil compram produtos de moda e beleza em plataformas online.

Um estudo recente do Google (Beauty Fashion Trends), indicou que a busca por conforto cresceu seis vezes mais do que por tendência, com 23,1% respondendo que se sentem confortáveis com roupas que não dificultam os movimentos.

As chamadas roupas de ficar em casa ganharam popularidade, nesse contexto, pesquisas pelo termo "moletom" por exemplo, tiveram um aumento de 91,4%. Em seguida, vem a camiseta com 44,3%, e a legging com 43,7%. Muita gente também se rendeu ao pijama, que virou o uniforme oficial para o home office. Isso explica as pesquisas por "pijama para usar todo dia" terem subido mais de 1.000% ano a ano.

Ainda com os escritórios transportados para a sala e os quartos de casa, além de reuniões que, quando exigem câmera ligada, mostram apenas o torso e a camisa, o foco foi centralizado na parte de cima do corpo. Com isso, acessórios como brincos, colares e lenços, que mais aparecem na chamada de vídeo, tiveram alta de 30%.

A pandemia também abriu espaço para um salto na procura de roupas e acessórios esportivos. Segundo o estudo, as buscas pelo vestuário cresceram 73% no último ano. Esse aumento tem relação com as mudanças de hábitos dos brasileiros, visto que uma parcela tem se dedicado aos exercícios dentro de casa ou a caminhadas ao ar livre, por exemplo.

De uma busca no Google Shopping para a comparação de preços a vídeos tutoriais de corrida no YouTube, as pessoas estão em busca de respostas sob medida, como que tênis masculino ou feminino comprar? Qual a melhor roupa para o treino? 

Uma coisa é certa: mesmo após a pandemia, as vidas indoor e outdoor devem seguir unidas, considerando que 60% disseram comprar moda para usar dentro e fora de casa. 

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Viana
favorite_outline Seguir Perfil
capa Varejo
Varejo
people 3847 participantes
Um local criado para oferecer ao EMPRESÁRIO DO VAREJO conteúdos relevantes e atualizados, tendências, cursos e interação com atores do ecossistema, gerando conhecimento e networking.
fixo
Em alta
Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
09 nov. 2021Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
Como a automação industrial impacta nossas vidas
09 ago. 2021Como a automação industrial impacta nossas vidas
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?