Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightNovos Negócioskeyboard_arrow_rightArtigos

Sebrae em Dados - Garden e serviços de paisagismo

avatar TAIS MARA HORTELA
Tais Mara Hortelafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Sebrae em Dados - Garden e serviços de paisagismo
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 29 OUT. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Hoje no Sebrae em dados vamos falar sobre empresas de paisagismo e Gardens.

                      Family GIF by Hallmark Channel


A origem da profissão de paisagista remonta as cultoras antigas, da Pérsia e Egito á Grécia e Roma no tratamento de seus jardins.


No Brasil no início dos anos de 1779 o vice-rei Dom Luis de Vasconcelos de Sousa contratou o Mestre Valentim para criar o projeto de urbanismo do passeio público da cidade do Rio de Janeiro.

Atualmente no Brasil existem 281.575 estabelecimentos especializados em cultivo de plantas, mais popularmente conhecidos por Garden, e paisagismos. Dessas empresas, 4.039 são filiais. As atividades são registradas nos seguintes CNAE:

  • 8130-3/00- Atividades paisagísticas
  • 0122-9/00- Cultivo de flores e plantas ornamentais

O paisagismo não é apenas a criação de jardins através do plantio desordenado de algumas plantas ornamentais, é uma técnica artesanal aliada à sensibilidade, que procura reconstituir a paisagem natural dentro do cenário devastado pelas construções. A finalidade do paisagismo é a integração do homem com a natureza, facultando-lhe melhores condições de vida pelo equilíbrio do meio ambiente. Por isso é cada vez mais comum a construção de jardins no interior das casas ou em espaços comerciais.



Fonte: Sebrae

Os serviços de paisagismo estão presentes em 96,38% dos municípios, e o as empresas de paisagismos em 4,30%.

 

Municípios com maior número de empresas ativas nos setores:

  1. São Paulo, SP 17.418
  2. Rio de janeiro, RJ 7.995
  3. Curitiba, PR 5.318

 

Os municípios que possuem maior número de empresas por Km² são:

  1. Taboão da Serra, SP 348 empresas, 17 por km²
  2. São Caetano do Sul, SP 208 empresas, 13 por km²
  3. Carapicuíba, SP  446 empresas, 12 por km²

 

Os municípios que possuem maior número de habitantes por empresa:

  1. Viseu, PA 62.093
  2. Jeremoabo, BA 40.832
  3. Bodocó, PE 38.605

 

Municípios com maior taxa de empreendedorismo no setor:

  1. Santa Terezinha de Goiás, GO 3,80%
  2. Holambra, SP 3,48%
  3. Herculândia, SP 2,08%

 

Municípios com maior variação empresarial:

  1. Desterro, PB 1.800%
  2. Presidente Kubitschek, MG 1.500%
  3. Diorama, GO 1.100%

 

Porte das empresas

 As micro e pequenas empresas representam 94% de todas as empresas especializados em cultivo de plantas e paisagismos.



Fonte: Sebrae

  • MEI 57%
  • ME 32%
  • EPP 05%
  • MGE 05%
  • SFL 0,0001%
  • Simples Nacional 79%
  • Inaptas 22% (possuem alguma pendência junto à Receita Federal)

 

Inaptidão por porte:

  • ME 43%
  • MEI 47%
  • MGE 05%
  • EPP 03%
  • SFL 0,001%

 

Empresas por natureza jurídica

Fonte: Sebrae

Abertura

O mercado de paisagismo foi muito impulsionado pela pandemia no Brasil. Em 2021 o crescimento foi 10% de acordo com o IBRAFLOR, Instituto Brasileiro de Floricultura. E em 2022 a expectativa é de um crescimento de 15% sobre 2021.


Em 2021 foram abertas 39.980 empresas especializados em cultivo de plantas e paisagismos, e em 2022 até o primeiro semestre foram abertas 29.633. O setor teve alta taxa de crescimento, a tendência dos últimos 05 anos é de 31,34%. A variação empresarial de 2013 até 2022 foi de 175,29%.


Fonte: Sebrae


O mercado de flores cresceu principalmente devido à mudança no hábito dos consumidores durante a pandemia. Por passarem mais tempo em casa a busca por um ambiente mais aconchegante e funcional para o trabalho e convívio fez com que a compra de plantas ornamentais, e projetos de paisagismos aumentassem.


Esta ressignificação do lar é refletida no mercado, a comercialização de flores e plantas ornamentais no Brasil movimenta mais de R$ 8 bilhões por ano.


O Brasil é o terceiro maior produtor e o segundo maior exportador mundial de flores e plantas ornamentais, e detém um dos maiores parques mundiais produtores de mudas, especialmente estacas de crisântemos, fora da Holanda.



Fonte: Sebrae


Encerramento de empresas

No ano de 2021 foram encerradas 13.030 empresas. A taxa de mortalidade é de 24,63%.  


Fonte: Sebrae


Municípios com maior taxa de mortalidade:

  1. Sul Brasil, SC   550%
  2. Recursolândia, TO  400%
  3. Ibitiara, BA 350%

 


Maturidade

A idade média das empresas é de 07 anos


Fonte: Sebrae

O setor é considerado jovem no país.  A maturidade é de 51,74%, ou seja, em pouco mais da metade dos estados, 50% ou mais das empresas possuem idade superior a 3,5 anos.

 

Estados com maior número de empresas estabelecidas:

  1. Manaus 59,70%
  2. Pará 55,80%
  3. Bahia 55,40%

 

Municípios com maior número de empresas estabelecidas:

  1. São Paulo, SP 7.263
  2. Rio de Janeiro, RJ 3.179
  3. Curitiba, PR 2.215

 

O estado de São Paulo lidera o ranking de produção e consumo nacional de flores e plantas ornamentais. O município de Holambra, é a maior produtora e comercializadora de do país.

 

Quais os tipos de flores produzidas no Brasil?

São cultivadas cerca de 2,5 mil espécies, com aproximadamente 17,5 mil variedades.

Aqui no país a lista é liderada por rosas, crisântemos, alstroemérias, lírios e lisianthus. Na lista das flores em vasos, as campeãs são as orquídeas, seguidas de kalanchoe, crisântemos e anthurium.

 A Holanda é o país que mais produz flores no mundo, porém até 2019, 77% das exportações de plantas ornamentais produzidas no Brasil eram feitas para o país Europeu. 


Empregos

O saldo de empregos em 21/22 foi de 6.885 vagas.

Contratações: 54.529

Demissões: 47.406

As atividades paisagísticas representam 63,7% das contratações, e o cultivo de flores e plantas ornamentais 36,3%.


Saldo de empregos


Fonte: Sebrae

As micro e pequenas empresas contrataram 4.019 novos trabalhadores, enquanto as média e grandes empresas contrataram 1.330 novos trabalhadores.


Previsão de empregos 


Fonte: Sebrae

Dados das contratações:

  • Mulheres 34,54%
  • Homens 65,46%
  • Trabalhadores portadores de deficiência 0,64%
  • Trabalhadores tempo parcial 0,31%
  • Trabalhadores intermitentes 0,54%
  • Primeiro emprego  02%

 

Escolaridade dos trabalhadores

  • Ensino médio completo 40%
  • Ensino fundamental completo  18%
  • Ensino médio incompleto  09%

 

Trabalhadores por raça:

  • Branca 46%
  • Parda  30%
  • Não identificada 14%
  • Preta 07%
  • Amarela 0,04%
  • Indigna 0,001%

 

Idade dos trabalhadores:

  • 18 a 24 anos 14%
  • 25 a 29 anos 13%
  • 30 a 39 anos 26%
  • 40 a 49 anos 23%
  • 50 a 54 anos 19%
  • 65 + - 0,01%

 

Holambra, SP emprega 3,15% da população no cultivo de flores e plantas ornamentais.

Flowers Spring GIF by alessiodevecchi

 

Gostou do texto? Está pensando em empreender?

Participe da comunidade e fique por dentro de todos os dados.

Sugira a atividade para podermos ajudá-lo!

 

Fontes: Sebrae / Ibraflor / Uniflores

avatar TAIS MARA HORTELA
Tais Mara Hortela
Unidade de Gestão Estratégica Sebrae Pr favorite_outline Seguir Perfil
capa Novos Negócios
Novos Negócios
people 5313 participantes
Um espaço aberto para trocas de experiências sobre novos negócios. Se você já tem uma ideia de negócio, ou ainda não sabe por onde começar, este é o lugar certo! Aqui, você encontra conteúdos para te ajudar a ter sucesso nesta jornada empreendedora ¿¿
fixo
Em alta
Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
16 ago. 2022Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
Sebrae em Dados - Salões de Beleza
15 out. 2022Sebrae em Dados - Salões de Beleza
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?