Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightDo Campo à Mesakeyboard_arrow_rightArtigos

Projeto de Indicação Geográfica Barreado litoral PR

avatar MARIA ISABEL ROSA GUIMARAES
Maria Isabel Rosa Guimaraesfavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
 Projeto de Indicação Geográfica Barreado litoral PR
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 01 JUN. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

O barreado ou carne barreada é um prato típico do litoral paranaense, sendo o mais tradicional do estado. A simplicidade na forma de preparo garantiu que a receita fosse mantida com os mesmos ingredientes e características de mais de 200 anos.


Hoje, essa tradição está ganhando outro patamar com o aguardo do registro da Indicação Geográfica (IG) pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). Mais do que uma iguaria gastronômica, o barreado faz parte da cultura litorânea e será a primeira Indicação Geográfica de serviço gastronômico do mundo.

A IG é importante para os pequenos negócios e produtores, pois é considerada um diferencial competitivo permitindo a valorização dos produtos tradicionais brasileiros e a herança histórico-cultural, protegendo as regiões produtoras. 

Nesse contexto, o registro agrega a Morretes, tipicidade, autenticidade pela maneira com que o barreado é preparado e a disciplina quanto ao método de produção, garantindo um padrão de qualidade.


Valor elevado do produto

Um dos benefícios que o selo de IG fornece ao produto é seu destaque aos demais, uma vez que envolve um histórico e mexe com a memória afetiva das pessoas à medida que remete ao local  onde é fabricado, fazendo com que a pessoa recorde a paisagem , o clima ou o cheiro da região, conquistando o consumidor.

Dessa forma, o valor mais elevado do produto passa a ser aceito pelos consumidores assim que percebem um diferencial, seja no paladar, visual, olfato, ou até mesmo no imaginário. E isso tudo gera a fidelização do cliente!

Apoio e estruturação

O Sebrae apoia a estruturação das IGs desde a formalização das entidades que vão solicitar o pedido de registro até a realização de estudos, como levantamento histórico e demarcação de área, que comprovam a notoriedade do território vinculado ao produto. 

Em 26 anos de vigência, a Lei de Propriedade Industrial tem possibilitado o registro das IGs no Brasil com destaque ao Paraná, um aprendizado constante por parte de produtores e técnicos nessa temática. 

Nesse sentido, o Sebrae se aproxima cada vez mais dos parceiros estratégicos, como o INPI, na produção de conhecimento técnico e na promoção das IGs brasileiras. 

Em resumo, a proteção legal de produtos por meio da indicação geográfica é um instrumento de extrema relevância para o desenvolvimento sustentável. Para os produtores, a utilização de selos distintivos é um modo de combate ao desprestígio e a concorrência desleal e, aos consumidores, uma garantia de qualidade. Para a sociedade como um todo, é sinônimo de geração de renda, emprego e competitividade, principalmente no exterior. 

Quer saber mais sobre o Programa Origens Paraná? Acesse o link e saiba tudo sobre atuação,análise do potencial, estruturação, mercado, visibilidade e muito mais!


avatar MARIA ISABEL ROSA GUIMARAES
Maria Isabel Rosa Guimaraes
Pós graduada em Empreendedorismo. Trabalha no Sebrae na área de Agronegócios há 15 anos. Participou de várias missões técnicas para conhecer experiências no Agronegócios em países como Holanda, Alemanha, Itália, Franca, Argentina, Colômbia, Chicago, NZ e Austrália.favorite_outline Seguir Perfil
capa Do Campo à Mesa
Do Campo à Mesa
people 1661 participantes
Você produtor, empresário, técnico e curioso do setor de agronegócios, alimentos e bebidas é nosso convidado especial para fazer parte desse espaço para quem busca conhecimentos sobre tecnologias, inovações, tendências, legislações, ou seja, novidades para o setor/segmento de agronegócios/alimentos e bebidas. Participe! Acesse, escreva e compartilhe artigos, entrevistas, vídeos e orientações.
fixo
Em alta
Dispara pedido de recuperação judicial por produtor rural
07 fev. 2024Dispara pedido de recuperação judicial por produtor rural
Como o ERP pode ajudar no setor de alimentos
29 mar. 2023Como o ERP pode ajudar no setor de alimentos
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?