Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightNegócios em Turismokeyboard_arrow_rightArtigos

Precificação no turismo

avatar ADRIANA QUEIROZ PALMIEIRI FERREIRA
Adriana Queiroz Palmieiri Ferreirafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
Precificação no turismo
Criado em 29 SET. 2020
text_decreaseformat_color_texttext_increase

A pandemia afetou muito o turismo, pois com as medidas de segurança impostas pelas autoridades com o objetivo de preservar a saúde, as pessoas não podem se deslocar para outras localidades. Sendo assim, a receita dessas empresas caiu consideravelmente. E nesse cenário controlar os custos e precificar da forma correta se torna imprescindível, pois qualquer deslize pode significar a descontinuidade da empresa.

O turismo tem suas particularidades, onde a mão-de-obra em muitas dessas empresas é o ponto principal, e as vezes o empreendedor não inclui esse custo no preço do produto ou serviço por não ter desembolso de dinheiro, no entanto tudo que envolve o processo deve ser mensurado e alocado ao preço.  Mas como apurar esse custo?

Um cálculo padrão utiliza o salário que seria pago caso fosse feito por um funcionário, dividindo por 220 horas que seria a quantidade de horas mês, chegando ao custo da hora na sequência. No entanto, muitas vezes o empreendedor tem muito mais experiência e diferenciais difíceis de mensurar. Mas que devem ser considerados no preço desse produto ou serviço, porque como diz o ditado não é fazer que custa caro, mas sim saber fazer com excelência.

Assim como a mão-de-obra outros custos podem ser subjugados e deixados de lado, uma boa dica para o empreendedor é fazer uma lista de tudo que é necessário para colocar o produto em condições de venda ou o serviço ser prestado sem prejuízo, depois pensar em formas de apurar esses custos. Outro ponto importante é tentar otimizar processos e reduzir custos fixos, para ganhar mercado ou se manter competitivo.   

  •   Exemplos de preço serviço:

Valor da hora = Salário da categoria / horas mês 

Valor da hora = 2.800,00 / 220 => 12,73

avatar ADRIANA QUEIROZ PALMIEIRI FERREIRA
Adriana Queiroz Palmieiri Ferreira
favorite_outline Seguir Perfil
capa Negócios em Turismo
Negócios em Turismo
people 1269 participantes
Conteúdo relevante, prático e instrutivo, indicando soluções para as empresas e atores ligados aos negócios de turismo e viagem buscarem novos caminhos e superarem a crise.
fixo
Em alta
Experiências turísticas do Paraná
29 nov. 2022Experiências turísticas do Paraná
Origem e importância dos bares
18 nov. 2022Origem e importância dos bares
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?