Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightLicitações Públicaskeyboard_arrow_rightArtigos

O que é uma proposta inexequível?

avatar THIAGO DUCCI TONINELLO
Thiago Ducci Toninellofavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
O que é uma proposta inexequível?
Criado em 22 OUT. 2020
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Se você acompanha as licitações já deve ter ouvido falar que alguma empresa foi desclassificada do certame por apresentar uma proposta inexequível.


Entende-se por proposta inexequível aquelas que não se mostram capazes de de apresentar alguma compensação financeira, levando em consideração custos e encargos contratuais. A inexequibilidade da proposta está prevista no artigo 48, inciso II da Lei de Licitações.


Por outro lado, cabe registrar que o licitante tem assegurado o direito de comprovar a exequibilidade da sua proposta não podendo o ente licitante promover sua desclassificação sem oportunizar o direito à resposta do concorrente.


Em outras palavras, o concorrente comprovando que o valor praticado não gerará impactos financeiros negativos à empresa, a tal ponto de não conseguir executar o contrato, não poderá ser desclassificado da licitação.


No entanto, caso o concorrente não consiga comprovar a exequibilidade da sua proposta, estará o licitante sujeito à desclassificação do processo, devendo tal decisão ser devidamente fundamentada pelo órgão licitante com indicações dos motivos que levaram a concluir pela inexequibilidade da proposta.


Tal discussão é pautada no Poder Judiciário e Tribunais de Contas Estaduais e da União diariamente que acabam por entender que não cabe ao ente licitante o poder de ser fiscal do lucro das empresas, devendo, na maioria dos casos, acatar a proposta apresentada, desde que existem fatores mínimos de comprovação da sua exequibilidade.


O fato é que muitas empresas abdicam do seu lucro para ganhar uma licitação. Existem inúmeras estratégias comerciais nessa prática, desde o interesse da empresa da inclusão daquele órgão em seu portfólio de clientes até a entrada em um mercado regional específico. Todas essas situações devem ser consideradas pela Administração Pública na análise sobre a exequibilidade da proposta e, também, devidamente comprovados pelo licitante.


Além disso, eventual impossibilidade de executar o contrato em razão da inexequibilidade da proposta poderá ensejar ao concorrente a aplicação de penalidades previstas no contrato.


O fato é que a formulação de uma proposta demanda grande responsabilidade pela empresa, seja pelo fato da possível desclassificação em razão da inexequibilidade ou pela possibilidade de aplicação de sanções legais e contratuais pela inexecução do contrato.


Portanto, caro pequeno empresário, todo cuidado é pouco no momento da formulação da sua proposta comercial, devendo considerar todos os riscos que sua empresa está disposta a correr neste momento.


Gostou desse artigo? Deixe o seu comentário e curta os nossos textos e até a próxima.

avatar THIAGO DUCCI TONINELLO
Thiago Ducci Toninello
Consultor da Unidade de Assessoria Jurdica do Sebrae/PRfavorite_outline Seguir Perfil
capa Licitações Públicas
Licitações Públicas
people 797 participantes
Olá, Empresário! Participar de licitações ainda é um mito para você? Tem muitas dúvidas de como funciona esse mercado? Nessa comunidade você poderá interagir conosco e conhecer mais sobre esse assunto. O nosso propósito aqui é entregar conteúdo sem o 'juridiquês' de forma traduzida e clara, para você compreender melhor como funciona o mercado de licitações. Participe conosco! A sua postagem contando a sua experiência será muito bem-vinda! Te encontro entre uma e outra publicação. Abraços!!!
fixo
Em alta
FOMENTA PARANÁ -EMPRESARIAL - ONLINE
06 jul. 2022FOMENTA PARANÁ -EMPRESARIAL - ONLINE
Sou MEI, posso participar de licitação?
05 ago. 2021Sou MEI, posso participar de licitação?