Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightDia a dia do Empresáriokeyboard_arrow_rightArtigos

O que é "ciclo de vida do cliente" e por que ele é importante para os negócios

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Vianafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
O que é "ciclo de vida do cliente" e por que ele é importante para os negócios
Criado em 01 FEV. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

O Gerenciamento do Ciclo de Vida do Cliente, ou Customer Lifecycle Management (CLM), é o nome dado a uma estratégia de marketing utilizada por diversas empresas para melhorar suas operações e promover uma experiência mais agradável aos seus consumidores. Utilizado principalmente por companhias do setor de e-commerce, esse método trabalha com a obtenção de dados e o acompanhamento dos vários estágios do ciclo de vida do cliente, o que permite traçar táticas e metas para atingir bons resultados. Conheça como isso é feito e por que é importante para os negócios.


O setor de marketing das instituições estuda cotidianamente as melhores formas de conquistar e consolidar um relacionamento com o seu público-alvo. Uma das formas mais eficazes para isso é o acompanhamento do ciclo de vida do cliente. Este ciclo consiste em cinco etapas, que representam diferentes estágios de ligação com a marca, que vão desde conhecer a empresa até comprar seus produtos regularmente.


Os diferentes estágios do ciclo de vida do cliente são:

  1. Conhecimento da marca: consiste em ser percebida pelo cliente em potencial, assim como seus produtos e serviços;

  2. Aquisição: estágio em que o cliente fornece dados de contato e inicia um relacionamento com a empresa, o que pode auxiliar o trabalho do setor de marketing a estudar seus comportamentos, necessidades e desejos;

  3. Conversão: momento em que os esforços do marketing são convertidos em uma compra de produto ou serviço pelo cliente;

  4. Retenção: etapa em que é necessário reunir esforços e investimentos para que o cliente esteja satisfeito;

  5. Fidelização: a última fase, em que o cliente compra e utiliza os produtos da marca regularmente e a recomenda para outras pessoas.


Como pode ser observado, diferentemente do que se costuma pensar, a experiência dos clientes não é finalizada na compra de um produto. As empresas precisam estar atentas e oferecer um serviço completo de suporte, que reconheça as particularidades de cada uma das etapas, a fim de conquistar uma percepção mais positiva pelos clientes. A comunicação é parte fundamental desses processos, permitindo a aproximação da marca e o auxílio na coleta de dados para realizar os levantamentos que fundamentam a atuação da empresa.


Esse tipo de estratégia aplicada aos negócios facilita delinear metas para cada uma das etapas e avaliar como é o relacionamento com os consumidores durante esses períodos. Assim, a equipe de marketing consegue trabalhar de maneira mais produtiva, em busca de melhorar os resultados da companhia com métodos e planos diferentes para fortalecer o relacionamento com o comprador e fidelizá-lo como cliente.


As instituições podem coletar dados e entrar em contato com seus consumidores através de plataformas de WhatsApp para empresas, disparo de e-mails, perfis nas redes sociais, pesquisas de satisfação, entre outros. Essas técnicas permitem uma maior aproximação da marca com o cliente e mostram interesse em oferecer uma experiência de qualidade, o que pode auxiliar na construção da imagem da empresa e garantir que o comprador adquira produtos novamente.

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Viana
favorite_outline Seguir Perfil
capa Dia a dia do Empresário
Dia a dia do Empresário
people 760 participantes
Comunidade digital que reúne conteúdo prático sobre o DIA A DIA DO EMPRESÁRIO de Micro e Pequena Empresa.
fixo
Em alta
4 pequenos negócios rurais lucrativos para 2023
14 dez. 20224 pequenos negócios rurais lucrativos para 2023
Guarulhos se destaca na geração de empregos no Brasil
03 nov. 2023Guarulhos se destaca na geração de empregos no Brasil