Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightNovos Negócioskeyboard_arrow_rightArtigos

Mercado pet: impulsionamento dos pequenos negócios

avatar PATRICIA FERNANDES VALENTE SANTINI
Patricia Fernandes Valente Santinifavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
Mercado pet: impulsionamento dos pequenos negócios
Criado em 02 AGO. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase


O mercado pet no Brasil tem se consolidado como um setor da economia com grande potencial de crescimento para os próximos anos. Para quem gosta de trabalhar com animais e também quer começar um negócio, nada melhor do que combinar uma paixão com uma forma de fazer uma carreira lucrativa e gratificante.


Claro, lançar um negócio e torná-lo lucrativo exige muito trabalho duro. Mas quando você começa a trabalhar em algo que ama, o processo é muito mais tranquilo. 


O mercado está em expansão, tendo espaço para todos os gostos e bolsos, já que os donos dos pets sempre estão em busca de novidades para agradar seus bichanos.


Além dos pet shops mais tradicionais, o segmento se abre também para serviços voltados para um público mais exigente, que trata o seu animal de estimação como um membro da família.



Mercado aquecido



Embora o segmento esteja aquecido, quem deseja empreender e alavancar o seu negócio precisa investir em inovação, uma vez que a concorrência é alta. Também é importante se manter qualificado, pois o consumidor é muito exigente com os produtos que disponibiliza aos seus pets.


A Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) estima que os gastos com alimentação sejam responsáveis por 70% do mercado. Ainda de acordo com a Abinpet, existem mais de 140 milhões de animais de companhia, dos quais mais de 55 milhões são cães, 40 milhões são aves e quase 25 milhões de gatos.


Especialistas também apontam que os nichos que priorizam o bem-estar e qualidade de vida do animal estão se tornando uma tendência.



Entre os segmentos do setor, destacam-se: 



Adestramento e treinamento 



Muitas pessoas estão investindo em adestramento e treinamento de seus pets. Um dos fatores relacionados a essa alternativa é que cada vez mais as pessoas estão se mudando para espaços menores e isso aumenta a necessidade de treinar seus animais.



Hotel e creche



Outra oportunidade muito boa para o mercado pet é o investimento em hotéis e creches para os bichinhos de estimação. Durante as férias ou viagens, os pais de pet costumam deixá-los em hotéis especializados.


Para quem não tem tempo, mas quer que o seu animal de estimação tenha uma rotina ativa, existem as creches - lugares que reúnem vários animais para passarem o dia realizando atividades.



Pet sitter



Pet sitter é quem cuida de um animal de estimação enquanto seu dono está ausente. É um serviço bem difundido em países bem desenvolvidos, mas é relativamente novo no Brasil. 


Os serviços das babás dos bichos de estimação não se restringem apenas a servir alimentação na hora certa ou passear. A pet sitter faz companhia para os animais, acompanham e até os observam em recuperação pós-cirúrgica.



Acessórios



Como a humanização dos pets está em alta, muitas pessoas estão buscando brinquedos, roupas e todos os tipos de acessórios para os animais. Para conquistar mais clientes, você pode apostar  em hábitos, estilos e até mesmo na cultura dos donos. O importante é fornecer produtos diferenciados e inovadores!



Banho e Tosa



O banho e tosa ainda são os serviços mais procurados do mercado pet, sendo uma ótima oportunidade para o empreendedor que quer apostar nele. Para não ser só mais um nesse nicho, você pode implementar serviços diferenciados, como transporte para levar e trazer os animais, cartão fidelidade, promoções etc.



Padaria Pet



Os donos dos pets estão cada vez mais buscando alimentos premium para os seus animais de estimação. Esse tipo de alimentação é baseada em ingredientes selecionados de acordo com o estilo de vida do bichinho.


As padarias pet também estão em alta. Tudo para agradar o paladar do seu animal de estimação. Porém, é preciso ter a autorização do Ministério da Agricultura e um profissional da área responsável pelos alimentos.


Com os avanços do mercado pet, novidades são disponibilizadas a todo momento e os animais de estimação têm vivido cada vez mais. Hoje, as casas brasileiras  têm mais pets do que crianças e tudo indica que essa tendência se manterá nos próximos anos. Por isso, o mercado pet se mostra uma excelente oportunidade para o empreendedor que quer investir nessa ideia!


Gostou deste tipo de conteúdo? Gostaria de acessar mais dicas, experiências e oportunidades que podem te ajudar na sua jornada empreendedora? Participe da comunidade Novos Negócios!

avatar PATRICIA FERNANDES VALENTE SANTINI
Patricia Fernandes Valente Santini
Tentar, aprender e tentar novamente.... Esse é o lema que rege minha vida! Gestora de Projetos Especialista em Gestão de Micro e Pequenas Empresasfavorite_outline Seguir Perfil
capa Novos Negócios
Novos Negócios
people 5327 participantes
Um espaço aberto para trocas de experiências sobre novos negócios. Se você já tem uma ideia de negócio, ou ainda não sabe por onde começar, este é o lugar certo! Aqui, você encontra conteúdos para te ajudar a ter sucesso nesta jornada empreendedora ¿¿
fixo
Em alta
Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
16 ago. 2022Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
Sebrae em Dados - Salões de Beleza
15 out. 2022Sebrae em Dados - Salões de Beleza
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?