Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightVarejo keyboard_arrow_rightArtigos

Liderar para crescer

avatar GIOVANA QUINI TANGANELLI
Giovana Quini Tanganellifavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Liderar para crescer
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 10 AGO. 2023
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Líder é aquele capaz de levar, conduzir, dirigir guiar um grupo de pessoas, formando uma equipe que gera resultados. Podemos dizer que ser líder é ter a habilidade de influenciar e motivar pessoas de forma ética e positiva. É aquele que conhece seus liderados, confia em suas capacidades e desenvolve a todos para que cheguem juntos ao destino traçado.


E no mercado da beleza? É a mesma coisa!


Mesmo sendo um mercado um tanto diferente, devemos exercer a liderança da mesma maneira, uma vez que temos profissionais trabalhando em nossas equipes, são pessoas e precisam de um líder!

Não estou falando de subordinação, chefia, comando.... mas de liderança!


No mercado da beleza, temos duas formas de contratar profissionais:

  

1.   CLT usando as regras da Consolidação das Leis Trabalhistas, ou seja, assinando a carteira do profissional, registrando-o como seu funcionário. Nesse caso, ele será seu subordinado.

2.   Lei do Salão Parceiro usando as regras dessa legislação específica do nosso mercado, você tem um contrato com um parceiro e não um funcionário.


Não vou falar aqui sobre as questões legais e trabalhistas, mas quero nesse texto falar contigo sobre seu papel de líder e principalmente, te alertar para os maiores erros que os líderes podem cometer.

 

Já sabemos então que você Empresária da Beleza é uma líder precisa estar à frente de sua equipe, motivar, levar as pessoas a gerarem resultados.


Mas você sabe o que não deve fazer?

  

Vou falar aqui de alguns erros muito comuns e que com toda certeza prejudicam não só sua liderança, seu papel, como também os resultados de sua equipe.


1.   Não planejar o líder é o primeiro a saber, a entender onde a equipe deve e precisa chegar. Sabendo onde estão e aonde querem chegar, é preciso traçar o caminho, é preciso planejar. Essa é uma das funções essenciais do líder planejar o caminho. Entender quais são as forças e fraquezas de cada integrante de sua equipe e como usá-las para alcançar os objetivos.


2.   Não conhecer e respeitar seus liderados um líder precisa conhecer sua equipe, saber que cada um tem suas limitações, seus desafios e principalmente, suas qualidades! Para que todo e qualquer relacionamento dê certo, é essencial que haja respeito. Uma relação baseada no respeito é uma relação saudável e tem a possibilidade de desenvolver ainda mais. Respeite cada ser humano na sua individualidade. As pessoas são o que são e não o que queremos que elas sejam!


3.   Não assumir responsabilidade um líder deve trazer para si a responsabilidade sobre os resultados de sua equipe. Quando isso acontece, a equipe tem mais confiança e segue firme rumo ao objetivo traçado. Não adianta culpar um integrante da equipe quando você dá uma tarefa sem saber se ele tem condições para realizar, por exemplo. Também não adianta cobrar de um profissional algo que você não explicou como queria. O verdadeiro líder deve ter para si a responsabilidade sobre os resultados da equipe e principalmente, celebrar com a equipe quando o resultado for positivo.


4.   Não desenvolver os profissionais um líder é aquele que leva as pessoas a crescerem, se desenvolverem, darem o seu melhor! Então, é hora de deixar de lado a ideia de que se você investir no desenvolvimento do profissional ele vai embora. Ter essa mentalidade é ser mesquinho e não ter o melhor de cada pessoa. Quando investimos no desenvolvimento dos profissionais, levamos eles ao crescimento e consequentemente crescemos como equipe e como empresa.


5.   Não saber ouvir liderar é ouvir as pessoas, entender cada uma, conhecer e para isso é importante que você se disponha a ouvir cada um dos seus profissionais. Invista tempo em se aproximar, em estreitar os laços desse relacionamento, ouvindo o que ele tem a dizer. Preste atenção no que seu profissional diz sobre seu trabalho, sobre o cliente, sobre o ambiente, sobre a empresa, sobre tudo! Não estou dizendo que você deve receber, aceitar e fazer tudo o que o profissional diz. Mas sim, que você deve ouvir e levar em consideração a experiência, o conhecimento e a atuação profissional dele.


6.   Mentir todo e qualquer relacionamento baseado em mentiras é frágil e tende a se quebrar. Assim também é o seu relacionamento com a equipe. Se você mentir, não terá a confiança dos profissionais, não terá a união da equipe e não alcançará os resultados que espera.


7.   Negligenciar feedback precisamos sempre saber se estamos agindo da maneira certa, como o outro nos vê, nos percebe e o que pensa sobre nós. O feedback é uma ferramenta muito importante para um líder. Seja o feedback que ele dá aos seus liderados, seja o feedback que ele ouve dos seus liderados! Isso mesmo, como líder você deve prestar atenção não só naquilo que você transmite de feedback para a sua equipe, como também para o que a sua equipe te dá de feedback.


8.   Não valorizar a equipe cada ser humano tem suas qualidades, cada profissional tem sua história e suas competências e habilidades desenvolvidas. Você precisa, como líder, valorizar cada um como ser único e especial. Ao invés de ficar apontando os erros e dizendo o que eles não são, valorize as forças de sua equipe e trabalhe para desenvolver aquilo que ainda não está tão bom. Quando você não valoriza os talentos que tem nas mãos, eles se desmotivam, paralisam, não produzem o que poderiam e prejudicam todo o andamento do seu trabalho.

 

Liderança é algo que desenvolvemos a cada dia. Não é necessário nascer com o dom da liderança, isso é algo que podemos e devemos desenvolver a cada dia.


Se você realmente quer crescer e quer que sua equipe e sua empresa também cresçam, comece a desenvolver sua liderança. Não sabe como?


Me deixe ser sua mentora que te ajudo!

 

 

 

Profa. Ms. Giovana Quini

Mentora, Coach e Palestrante

Especialista em Gestão de Pessoas

Apaixonada pelo mundo da beleza

@giovanaquini.oficial

avatar GIOVANA QUINI TANGANELLI
Giovana Quini Tanganelli
Com mais de 30 anos de experiência em gestão empresarial, me especializei nos últimos 15 anos na área da saúde, beleza e bem-estar. Atuo como palestrante e mentora, ajudando profissionais a se transformarem em Empresárias da Beleza.favorite_outline Seguir Perfil
capa Varejo
Varejo
people 3845 participantes
Um local criado para oferecer ao EMPRESÁRIO DO VAREJO conteúdos relevantes e atualizados, tendências, cursos e interação com atores do ecossistema, gerando conhecimento e networking.
fixo
Em alta
Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
09 nov. 2021Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
Como a automação industrial impacta nossas vidas
09 ago. 2021Como a automação industrial impacta nossas vidas
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?