Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightAmbientes de Inovaçãokeyboard_arrow_rightArtigos

Incubadoras de Artes nos Estados Unidos

avatar MARCO JOSE
Marco Josefavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Incubadoras de Artes nos Estados Unidos
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 26 JAN. 2023
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Incubadoras de artes são habitats de inovação cujo público-alvo são empreendimentos ligados às artes e ao artesanato, atendendo aos desejos dos empreendedores da economia criativa.


A autora Linda Essig inventariou 43 incubadoras de artes nos Estados Unidos. E os principais serviços que esses habitats de inovação oferecem são: facilidades para criação, exibição e performances de arte, espaços de escritório, serviços de apoio à gestão dos negócios, treinamentos, possibilidades de financiamento e auxílios fiscais.



Essig, ainda classificou as incubadoras de artes em quatro categorias: 



1. Incubadora Artística: destinada a artistas e organizações artísticas, tem o objetivo dar a eles assistência para que consigam sustentar e desenvolver suas obras.  



2. Incubadora de Desenvolvimento Comunitário: pensada para beneficiar comunidades, ela é planejada para artistas, organizações artísticas, artesãos e donos de pequenos negócios. Seu propósito é gerar e sustentar uma comunidade vibrante, diversa, engajada, inclusiva e segura. 



3. Incubadora Comercial: atrai o interesse de empreendedores criativos e atende artistas, artesãos e donos de pequenos negócios. Esses habitats tem o intuito de ajudar empresas voltadas à arte a começarem e crescerem. 



4. Incubadora de Empreendimento Estudantil: feita para artistas estudantes, têm a finalidade de proporcionar uma educação mais inovadora e criativa por meio de investimentos. 


Em seu segundo estudo, Essig identificou o valor gerado pelas incubadoras de artes nos Estados Unidos. Para isso, a autora conduziu uma análise multicaso com uma incubadora de artes de cada tipo. Com essa pesquisa, ela identificou que o valor criado pelas incubadoras de artes não está necessariamente ligado aos serviços ofertados, mas sim, no efeito positivo desses serviços sobre a capacidade das partes interessadas de atingir seus objetivos. 


Nesse estudo, Essig pôde perceber que esses habitats de inovação proporcionam um desenvolvimento artístico, com organizações de arte estáveis e artistas com carreiras sustentáveis, que garantem vitalidade para a região; e também econômico, por meio da criação de novas empresas e empregos, da migração de outros empreendimentos e da atração de turistas, o que gera renda para o local onde as incubadoras estão. 



Para os clientes das incubadoras de arte, os valores entregues são: redução de barreiras, selo de aprovação conferido pela permanência do empreendimento na incubadora, rede de segurança de riscos, sustentabilidade organizacional e autossuficiência individual.



Indo além, Essig informa que para que as incubadoras de artes possam agregar valor por meio dos pontos citados anteriormente, elas precisam se atentar a algumas implicações organizacionais, tais como: prioridades estratégicas, liderança e possíveis mudanças organizacionais e cultura de aprendizagem organizacional.



Finalizando seus trabalhos acerca das incubadoras de artes nos Estados Unidos, Essig evidencia a necessidade de medir o sucesso das incubadoras de artes para entender se as ferramentas, políticas e/ou programas adotados estão surtindo o efeito desejado. Como métricas para mensurar o êxito desses habitats, ela sugere: 

* indicadores relacionados às novas receitas obtidas pelos empreendimentos incubados que permitam entender o quanto a incubadora está contribuindo para o desenvolvimento de uma comunidade vibrante e/ou ecossistema criativo. 



Tudo isso deve ser acompanhado ao longo do tempo a fim de entender o impacto dos processos de incubação e, para tal, é preciso construir bons processos de avaliação.

avatar MARCO JOSE
Marco Jose
favorite_outline Seguir Perfil
capa Ambientes de Inovação
Ambientes de Inovação
people 1325 participantes
Os ambientes promotores de inovação são ativos de transformação dos ecossistemas. Por isso, criamos aqui um espaço para compartilhar conhecimento e experiências que podem ajudar os empreendedores e heads de inovação. Conecte-se agora e faça parte desta comunidade você também!
fixo
Em alta
O que é Inteligência Artificial?
25 nov. 2023O que é Inteligência Artificial?
Economia Circular: Importância e Desafios
05 dez. 2023Economia Circular: Importância e Desafios