Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightFinanças e Tributoskeyboard_arrow_rightArtigos

Gestão Tributária e a Reforma Tributária no Brasil

avatar VICENTE DE PAULO BARBOSA DO NASCIMENTO
Vicente De Paulo Barbosa Do Nascimentofavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
Gestão Tributária e a Reforma Tributária no Brasil
Criado em 01 JUL. 2024
text_decreaseformat_color_texttext_increase

A gestão tributária é uma disciplina essencial para empresas de todos os portes, sendo fundamental para a manutenção da saúde financeira e para a conformidade com as obrigações fiscais. No contexto brasileiro, onde a carga tributária é complexa e elevada, a gestão eficiente dos tributos pode representar a diferença entre o sucesso e o fracasso de um negócio. A recente proposta de reforma tributária no Brasil promete simplificar o sistema, mas também traz desafios que precisam ser compreendidos e bem geridos.


 A Importância da Gestão Tributária


A gestão tributária envolve o planejamento, controle e monitoramento dos tributos devidos por uma empresa. Esta prática visa não apenas assegurar a conformidade com a legislação fiscal, mas também otimizar a carga tributária, aproveitando incentivos e benefícios fiscais. Entre as principais atividades da gestão tributária, destacam-se:


1. **Planejamento Tributário**: Identificação de oportunidades para minimizar legalmente o ônus tributário.

2. **Cumprimento das Obrigações Acessórias**: Garantia de que todas as declarações e pagamentos sejam realizados dentro dos prazos estipulados.

3. **Análise de Riscos Fiscais**: Identificação e mitigação de riscos associados a eventuais não conformidades.

4. **Acompanhamento de Mudanças na Legislação**: Manutenção da empresa atualizada em relação às mudanças na legislação tributária.


Reforma Tributária: O que Muda?


A proposta de reforma tributária, em discussão no Congresso Nacional, visa simplificar o sistema tributário brasileiro, que é frequentemente criticado pela sua complexidade e pela alta carga de impostos. Os principais pontos da reforma incluem:


1. **Unificação de Impostos**: Substituição de vários tributos por um único imposto sobre valor agregado (IVA), o que reduziria a sobreposição de tributos e a complexidade no cálculo e no pagamento.

2. **Imposto sobre Bens e Serviços (IBS)**: Criação do IBS, que unificaria o PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS. Este imposto teria uma alíquota única, simplificando o processo de apuração.

3. **Imposto Seletivo**: Criação de um imposto sobre produtos específicos, como tabaco e bebidas alcoólicas, com o objetivo de desestimular o consumo de bens considerados prejudiciais à saúde.

4. **Simplificação das Obrigações Acessórias**: Redução do número de declarações e obrigações acessórias exigidas das empresas, aliviando a carga administrativa e os custos operacionais.


Impactos da Reforma Tributária na Gestão Tributária


A reforma tributária traz promessas de simplificação, mas também apresenta desafios para a gestão tributária das empresas. Entre os principais impactos, destacam-se:


1. **Adequação aos Novos Requisitos**: As empresas precisarão se adaptar aos novos tributos e procedimentos, o que pode exigir investimentos em tecnologia e treinamento.

2. **Transição e Ajustes**: Durante o período de transição, haverá a coexistência de antigos e novos tributos, o que pode gerar confusão e complexidade adicional.

3. **Planejamento Estratégico**: A unificação de impostos pode afetar estratégias de planejamento tributário previamente estabelecidas, exigindo uma revisão das políticas e práticas atuais.

4. **Oportunidades de Redução de Custos**: A simplificação pode levar a uma redução nos custos operacionais associados à gestão tributária, liberando recursos para outras áreas do negócio.


Considerações Finais


A gestão tributária continuará sendo um componente crucial da administração empresarial no Brasil, especialmente à luz da reforma tributária. Embora a simplificação do sistema seja bem-vinda, as empresas precisam estar preparadas para se adaptar rapidamente às mudanças e para explorar novas oportunidades de otimização tributária. Contadores e gestores tributários desempenharão um papel fundamental neste processo, assegurando que as empresas permaneçam em conformidade e aproveitem ao máximo os benefícios trazidos pela reforma. 


A reforma tributária representa uma oportunidade para modernizar e tornar mais eficiente a gestão tributária no Brasil, mas seu sucesso dependerá da capacidade das empresas de se adaptarem e de implementarem as melhores práticas de gestão tributária.


Autor: facebook/vicentecontabilidade e instagram: @vicentecontabilassessoria

avatar VICENTE DE PAULO BARBOSA DO NASCIMENTO
Vicente De Paulo Barbosa Do Nascimento
Vicente de Paulo Barbosa do Nascimento; Sou Contador, Formado Pela UNIVERSIDADE PITAGORAS UNOLAR EAD, Consultor Empresarial Formando Pelo Programa Alavancar, Pós Graduado Em Auditoria & Pericia Economica- Financeira Pela BSSP Educacional, Pós Graduando em Gestão Tributário Contabil e Consultoria Empresarial Pela UNIVERSIDADE PITAGORAS UNOPAR EAD. Especialista no Simples Nacional, Analista Contabil e Fiscal, Especialista em IRPF, Especialista em MEI Especialista em ICMS-ST Especialista em Departamento Pessoal Peal Sevilha Educação. Perito Judicial Formado Pela IBCAPPA E Formando em Pericia Contabil e Financeira, Pericia Judicial, PJE-CALC e Em Calculos Trabalhista Pelo BETA CURSOS. favorite_outline Seguir Perfil
capa Finanças e Tributos
Finanças e Tributos
people 4625 participantes
Comunidade digital que reune informações e conteúdos sobre FINANÇAS e TRIBUTOS diariamente. Participe!
fixo
Em alta
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?