Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightFinanças e Tributoskeyboard_arrow_rightArtigos

Finanças empresariais: saiba 5 passos para ter uma ótima gestão

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Vianafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Finanças empresariais: saiba 5 passos para ter uma ótima gestão
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 20 NOV. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Um dos maiores objetivos quando se tem uma empresa, independentemente do tamanho dela, é manter o controle financeiro. Esse, certamente, é um fator-chave que irá guiar o estabelecimento ao sucesso ou direcioná-la para a falência.


Para se ter uma ideia, de acordo com o IBGE, 6 em cada 10 negócios são fechados no Brasil antes de completarem 5 anos. Para os especialistas, isso está ligado diretamente às finanças.


Ter esse controle financeiro vai muito além de saber quais as receitas e despesas. É preciso ter uma equipe capacitada, organizada e também ferramentas para auxiliar nesse processo.


Separamos algumas dicas e atitudes que podem ajudar a sua empresa a crescer cada vez mais.


Tenha disciplina e organização

O primeiro passo é analisar e saber com exatidão máxima os gastos, despesas e lucros da empresa. Um pente fino deve ser realizado para garantir um controle mais rigoroso. Tente manter esse fluxo semanal e, se necessário e possível, diário. Só assim você saberá o que precisa ser alterado.


Defina um orçamento anual

No decorrer do caminho, alguns investimentos podem parecer ótimas oportunidades. Mas, isso deve ser bem calculado e pensado para que os gastos não sejam extrapolados. Para facilitar nesse quesito, é fundamental que um orçamento seja definido, de forma anual. Cada setor deve ter o seu para que não gere nenhuma instabilidade no negócio.


Invista em equipamentos e mão de obra

Ter um software de gestão irá implicar diretamente no fluxo de trabalho dos colaboradores. Todos os processos serão simplificados, seja no controle de seus recebimentos, espelho de movimentações bancárias e emissão de boletos. Treine sua equipe para que eles estejam alinhados e possam executar as tarefas com precisão.


Não misture contas pessoais com o da empresa

Esse é um dos erros mais comuns quando se tem o próprio negócio e se você faz isso, pare imediatamente. Tenha duas contas bancárias, uma pessoal e uma jurídica. Assim, os seus cartões de créditos serão separados e você não terá dor de cabeça na hora de dividir as despesas.


Negocie boas condições de pagamento

Mais do que ter uma boa gestão interna sobre as finanças da firma, é imprescindível ter uma organização ímpar com empresas que fazem negócios com você. Ajustar prazos, negociar valores e parcelamentos pode evitar juros menores e te ajudar a passar por um momento de sufoco.


Além dessas dicas, outra recomendação muito citada por especialistas é sempre guardar uma quantia. O máximo que puder. Ter uma reserva financeira te ajuda muito em caso de emergência ou até mesmo quando o país estiver passando por problemas econômicos.


E não se esqueça, essas ações não vão garantir apenas uma saúde financeira boa para a firma, mas vai gerar uma longa vida.

E você, já tem essas ações implantadas no seu negócio?

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Viana
favorite_outline Seguir Perfil
capa Finanças e Tributos
Finanças e Tributos
people 2814 participantes
Comunidade digital que reune informações e conteúdos sobre FINANÇAS e TRIBUTOS diariamente. Participe!
fixo
Em alta
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?