Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightFinanças e Tributoskeyboard_arrow_rightArtigos

E-commerce brasileiro pode dobrar até 2025

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Vianafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
E-commerce brasileiro pode dobrar até 2025
Criado em 15 SET. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

A empresa líder em tecnologia de pagamentos da FIS, Worldpay from FIS, mais uma vez, divulgou um estudo que mostra a expectativa para o setor de pagamentos online. O levantamento, que é conhecido como Global Payments Report, é importante, pois mostra um espelho do cenário em relação aos pagamentos feitos em sites, aplicativos e outras plataformas virtuais.


Como líder no mundo de soluções tecnológicas, tanto para comerciantes quanto bancos e empresas do mercado de capitais, a FIS é uma importante marca e de grande credibilidade no segmento. Por isso, seu estudo ajuda a entender o ritmo da digitalização do comércio e dos bancos.


No Brasil e no mundo, isso andava em marcha lenta até pouco tempo atrás. Hoje em dia, a movimentação chega a US$ 2 trilhões de dólares de volumes transacionais no mundo, enquanto no Brasil exclusivamente esse valor chega a US$ 5 bilhões.


De acordo com a Worldpay from FIS, a expectativa é que todos os comércios se tornem eletrônicos nos próximos anos. Por isso, não faz mais sentido imaginar uma separação entre mundo físico e digital, ainda mais quando o mundo físico já aceita pagamentos digitais. No mundo, é esperado que o setor de e-commerce tenha um crescimento de 55,3% até 2025, atingindo US$ 8,3 trilhões em valores transacionais.


Enquanto isso, o Brasil vivia um crescimento tímido, de apenas 12%, e com momentos de estagnação. A pandemia, no entanto, foi importante para dar uma revigorada. Se antes o dinheiro era a principal forma de aquisição dos brasileiros, sendo gradativamente substituído pelo cartão de crédito, o Pix foi importante para mudar os pagamentos e levar o Brasil ao mundo digital.


Mesmo após a pandemia, os brasileiros continuam fazendo compras e usando o Pix como forma de pagamento, mostrando que até mesmo os comércios físicos estão se digitalizando para garantir a satisfação do cliente.


Ainda de acordo com o levantamento, a expectativa é de que o e-commerce no Brasil tenha um crescimento de 95% até 2025, mostrando uma aceleração mais contínua e significativa em relação aos últimos anos. O estudo também aponta que variáveis como a guerra entre Rússia e Ucrânia, por exemplo, que mudou o mercado global e alguns investimentos, não devem atingir negativamente o setor no Brasil.


Além disso, o Brasil deve continuar como carro-chefe entre os demais países da América Latina, superando problemas econômicos e políticos, e mostrando novas tendências para o mundo.


Um exemplo disso é o crediário, uma forma comum de pagamento no Brasil há cerca de 40 anos e que agora vem sendo utilizada no restante do globo, sob o nome de Buy Now, Pay Later, como uma das formas de pagamento que crescem mais rapidamente em lojas físicas e online.

E você, imaginava esse crescimento? Deixe nos comentários!

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Viana
favorite_outline Seguir Perfil
capa Finanças e Tributos
Finanças e Tributos
people 4566 participantes
Comunidade digital que reune informações e conteúdos sobre FINANÇAS e TRIBUTOS diariamente. Participe!
fixo
Em alta
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
12 mai. 2020Tire dúvidas sobre: Empréstimo, Financiamento, Crédito e Fampe.
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?