Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightDo Campo à Mesakeyboard_arrow_rightArtigos

Como o ERP pode ajudar no setor de alimentos

avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Vianafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
Como o ERP pode ajudar no setor de alimentos
Criado em 29 MAR. 2023
text_decreaseformat_color_texttext_increase

O setor de alimentos é um dos mais complexos do mercado. Apenas um erro de processo pode resultar na perda de um lote inteiro, ou até mesmo na repercussão de intoxicação, o que acaba sendo ainda pior para a marca.

Com o avanço cada vez maior da tecnologia para facilitar os processos internos nas empresas, foram desenvolvidos diversos sistemas com esse propósito. Entre um dos mais usados, está o ERP.


O que é o ERP?

O ERP, ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial, é um software que permite a reunião de diversas informações da empresa em um único lugar. Com isso, é possível elaborar relatórios completos, e extremamente precisos, sobre todos os setores da empresa, identificando problemas e oportunidades antes mesmo de eles ocorrerem.


Por que usar isso dentro da indústria de alimentos?

As aplicações desse tipo de tecnologia são inúmeras. Entretanto, separamos aqui os principais motivos do porquê é essencial aplicar esse sistema em sua empresa.


Gestão de estoque

Um dos maiores problemas do setor alimentício é ter um estoque bem regulado. Com esse software, é possível identificar o momento ideal de compra de matérias-primas e comparar o preço dos fornecedores, evitando desperdícios de espaço ou dinheiro.


Controle dos processos

Com a centralização das informações em somente um programa, é possível ter uma visão mais precisa e geral de todos os processos do seu negócio. Isso possibilita uma gestão mais assertiva tanto de funcionários como de manutenção de maquinários.


Isso porque alguns sistemas podem identificar o ponto de desgaste máximo de máquinas, já anunciando uma possível quebra, e com isso, é possível se adiantar e fazer a manutenção do equipamento antes que o pior aconteça.


Gestão de pessoas

Com os dados mais precisos, a gestão de colaboradores também acaba se tornando mais fácil. Ao identificar gargalos, tempo de intervalo, entrada e saída, números de produtividade, é possível implementar políticas de mais impacto nos setores.


Desperdícios

O software também pode ser programado para identificar o prazo de validade dos produtos, fazendo com que o desperdício de matérias-primas seja reduzido ao mínimo.


Atendimento ao cliente

Além da centralização de informações, o ERP permite uma conexão mais rápida e uma troca mais ágil de informações entre setores. Isso acaba diminuindo o tempo de espera e aumentando a satisfação dos clientes com o seu negócio.


Comportamento dos consumidores

Além disso, ele também ajuda a identificar o comportamento dos clientes, como picos de maior movimento, quais são os pratos que eles mais consomem, entre outros. Esse tipo de informação é essencial para definir uma rotatividade de cardápios, ou até mesmo para focar em receitas que são mais consumidas, novamente evitando desperdícios.


Decisões mais rápidas e precisas

Gerenciar um restaurante é algo muito complicado. Por isso que, ao centralizar todas as informações em somente um programa, é possível ter uma visão mais precisa e completa das necessidades do seu negócio. Com isso, o processo de decisão acaba se tornando muito mais fácil com a quantidade de informações fornecidas pelo programa.


avatar FLAVIA DE SIQUEIRA VIANA
Flavia De Siqueira Viana
favorite_outline Seguir Perfil
capa Do Campo à Mesa
Do Campo à Mesa
people 1663 participantes
Você produtor, empresário, técnico e curioso do setor de agronegócios, alimentos e bebidas é nosso convidado especial para fazer parte desse espaço para quem busca conhecimentos sobre tecnologias, inovações, tendências, legislações, ou seja, novidades para o setor/segmento de agronegócios/alimentos e bebidas. Participe! Acesse, escreva e compartilhe artigos, entrevistas, vídeos e orientações.
fixo
Em alta
Dispara pedido de recuperação judicial por produtor rural
07 fev. 2024Dispara pedido de recuperação judicial por produtor rural
Pesquisa revela "imaturidade" no agro no uso de Sistemas de Gestão Pós-Produção
13 mar. 2024Pesquisa revela "imaturidade" no agro no uso de Sistemas de Gestão Pós-Produção
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?