Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightVarejo keyboard_arrow_rightArtigos

Como expandir um negócio de família?

avatar LUCAS HAHN
Lucas Hahnfavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Como expandir um negócio de família?
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 16 JAN. 2023
text_decreaseformat_color_texttext_increase

As empresas familiares vão além de um negócio, elas são um investimento emocional que cria laços profundos com seus parentes e funcionários. Levar uma empresa familiar para outro nível pode ser difícil, mas não improvável.


É possível escalar e expandir sem perder os laços e a essência que muitos negócios prezam em manter. Neste texto, vou te mostrar algumas formas de separar a emoção dos negócios e ampliar a visão da sua empresa.


Cenário Atual no Brasil

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indicam que 90% das empresas no Brasil possuem perfil familiar. Elas chegam a representar cerca de 65% do PIB e são responsáveis por empregar 75% dos trabalhadores no país. As organizações de controle familiar são a maioria no Paraná.


De acordo com o Sebrae, 63% das empresas paranaenses são familiares, o equivalente a mais de 378 mil empresas ativas, em quarto lugar no ranking nacional. Além disso, o Paraná também apresenta elevada proporção de empresas que possuem parentes como sócios (27%) e de empregados que são parentes (21,7%).


Pensando no sucesso que este tipo de empreendimento tem no Brasil, quando se trata de crescimento, as empresas familiares enfrentam desafios distintos. Organizações familiares têm acionistas que pensam de forma diferente, afinal, o futuro de sua família está em jogo, ou seja, a responsabilidade muda de categoria.


Se você acrescentar uma pitada de problemas na dinâmica de cuidado da casa, tempo de qualidade com a família, administração de contas da casa e os desafios de competir em um mundo em constante mudança, a primeira pergunta que vem é: Como uma empresa familiar pode crescer sem se dividir?


Precisamos falar sobre Sucessão Familiar

Muito se fala sobre crescimento, mas quando o assunto é uma empresa familiar, precisamos voltar um passo pra trás e falarmos sobre SUCESSÃO. Pensar na longevidade de uma empresa familiar é o que irá diferenciá-la no mercado, digo isso porque 70% desses empreendimentos não resistem à morte do fundador, sendo que so­men­te 30% pas­sam da se­gun­da ge­ra­ção e ape­nas 12% vão além da ter­cei­ra ge­ra­ção.


Popularmente, muitas pessoas dizem que a primeira geração constrói, a segunda usufrui e a terceira destrói. Eu sei, parece muito franco e pouco esperançoso, mas precisamos analisar esse cenário com muita transparência e, principalmente, realismo


Conforme as empresas familiares vão se expandindo, os desafios de desempenho e governança aparecem. As gerações que se seguem ao fundador podem, por exemplo, insistir em dirigir a empresa mesmo que não sejam adequadas para o cargo - esse é um dos principais problemas.


Como o número de acionistas familiares aumenta geração após geração, aumenta também o número de ociosos - poucos realmente trabalham no negócio e menos ainda são capacitados para tal. O compromisso de continuar como proprietários fica comprometido. 


Mas, agora vou te entregar a luz de esperança, afinal, esse texto precisa te incentivar a pensar no crescimento da sua empresa: A terceira geração de proprietários que realmente consegue dar continuidade no negócio tendem a ter um bom desempenho ao longo do tempo em comparação com as gerações anteriores, de acordo com uma pesquisa recente da McKinsey. Seu desempenho sugere que eles têm uma história de interesse não apenas no lucro da empresa, mas no LEGADO familiar.


A empresa familiar ao longo do tempo tende a enfrentar alguns desafios, como por exemplo, alcançar um forte desempenho comercial, manter a família comprometida e ter um bom planejamento sucessório. 


Como expandir meu negócio?

Uma das grandes qualidades de uma empresa familiar é a capacidade que os membros têm em se sacrificar pela empresa. Muitas horas extras e energia sem receber pagamento, concedendo à empresa empréstimos generosos com pouco ou nenhum interesse, são exemplos desse sacrifício.


Com esse potencial em mãos, separamos algumas dicas muito práticas para você organizar a sua empresa familiar e pensar a longo prazo no legado que você quer manter.


  • Mantenha seus valores familiares:

As suas raízes são o grande diferencial do seu negócio. Este toque pessoal com os clientes e contato mais próximo tendem a sumir com o crescimento da empresa, por isso, concentre-se em seus valores essenciais e alinhe com toda a equipe. Mantenha seus clientes sempre informados sobre o que está acontecendo e permita que eles se alegrem com o crescimento da sua empresa, compartilhando cada vitória.


  • Planejamento de sucessão em dia e estrutura organizacional

É essencial ter uma hierarquia limpa na empresa familiar para evitar qualquer tipo de problema criativo, operacional ou financeiro. Tendo uma estrutura organizacional estudada e colocada em prática, você evita conflitos internos e diferenças que podem afetar o crescimento.


Cada líder terá Indicador-Chave de Performance, ou seja, um valor quantitativo que representa o desempenho de cada processo dentro da empresa. Dessa forma a gestão terá uma visão mais apurada dos resultados obtidos por uma área da empresa, permitindo entender se estão no caminho certo


  • Invista em Inovação

Quando uma empresa inova, ela pode melhorar seus produtos, processos ou metodologias existentes, ou pode criar novas do zero. Sabemos o que acontece quando as empresas não são inovadoras. Eles podem ter sido líderes do setor há 10 anos atrás, mas sua rejeição em se adaptar às mudanças e aos avanços tecnológicos podem transformar as empresas em relíquias.


  • Atenção na contratação de funcionários

Em qualquer empresa, seja ela grande ou pequena, uma nova contratação gera impactos - positivos ou negativos. Contratar um funcionário pode ser algo que você está acostumado a fazer ou pode ser a primeira vez que alguém de fora da família trabalha para você. Em ambos os casos, seja atencioso e cuidadoso com quem você traz para o convívio da sua família.


O processo de contratação é particularmente complicado. Não há uma maneira infalível de fazer isso, então não tenha medo de usar alguns métodos pouco ortodoxos. Também pode demorar um pouco até você encontrar o ajuste certo, mas assim que o fizer, você ficará grato por aquele novo funcionário!


Uma dica: Cultive bons relacionamentos, essa é uma maneira de melhorar o desempenho de sua empresa e motivar seus funcionários.




Um legado para o amanhã e o hoje

Quando falamos de negócios familiares, a primeira palavra que me vem à mente é LEGADO. Falei algumas vezes aqui nesta reflexão, mas gostaria de finalizar falando sobre isso, sobre a importância que essas empresas têm sobre a história de uma família. A sua empresa pode mudar a história de gerações, imagine que seus netos e bisnetos podem colher os frutos de todo o seu trabalho, incrível não é?


No ambiente de negócios de hoje, legado é cuidar do que acontece a seguir: Para o negócio, para a equipe e para os clientes. Líderes e empresas são cada vez mais respeitados, não pelo patrimônio que possuem, mas pela forma como tratam as pessoas e pela opinião que seus clientes, funcionários e parceiros têm delas.


Para que um legado seja estabelecido, é preciso começar agora. Cultive o respeito e a cultura da empresa. A lealdade dos funcionários protege uma empresa contra muitos rumores e crises e tem um grande impacto positivo na retenção de pessoas talentosas. 


Com a cultura certa instalada, o legado da sua empresa se perpetua.


Gostou dessas dicas?


Então faça parte da Comunidade de Varejo e acompanhe sempre as novidades, tendências e novas oportunidades de negócio aqui!



Um abraço,

Lucas.


avatar LUCAS HAHN
Lucas Hahn
Coordenador Estadual de Varejo e Mercado do SEBRAE/PR.favorite_outline Seguir Perfil
capa Varejo
Varejo
people 3860 participantes
Um local criado para oferecer ao EMPRESÁRIO DO VAREJO conteúdos relevantes e atualizados, tendências, cursos e interação com atores do ecossistema, gerando conhecimento e networking.
fixo
Em alta
Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
09 nov. 2021Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
Como a automação industrial impacta nossas vidas
09 ago. 2021Como a automação industrial impacta nossas vidas
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?