Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightMulheres Empreendedoras keyboard_arrow_rightArtigos

Como como lidar com a inadimplência de clientes

avatar ACEA EVGUENI RATCHEVA
Acea Evgueni Ratchevafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt1
Como como lidar com a inadimplência de clientes
1 pessoa curtiu esse artigo
Criado em 26 MAI. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

A arte da cobrança

Você não recebe por absolutamente tudo o que vende. A inadimplência de clientes é um problema recorrente e comum em todas as empresas. Faz parte do negócio e você precisa aprender a lidar com isso.


Nem sempre é uma tarefa fácil ou agradável, mas é necessária para o sucesso da sua empresa


O primeiro ponto que você precisa ter em mente é que o caloteiro, na grande maioria das vezes, não faz isso de propósito. O cliente deixa de pagar porque realmente não tem condições, porque perdeu o emprego, porque precisou remanejar as finanças da família. Normalmente, ele apenas não deu conta de arcar com a responsabilidade e deixou passar. Acontece também de alguns esquecidinhos de plantão esquecerem de programar o pagamento ou simplesmente não lembrarem da conta. Faz parte!  


Aquele velho ditado que o cliente sempre tem razão não vem ao caso, mas vale lembrar dele para que você se dê conta de que mesmo sem razão, o cliente é o seu melhor amigo. É ele que vai comprar os seus produtos ou contratar os seus serviços e é ele que vai te dar dinheiro por isso. Então manter um bom relacionamento com todos eles, inclusive com os inadimplentes, é fundamental para o crescimento e continuidade do negócio. 


Neste artigo trago pra você algumas dicas sobre como lidar com clientes inadimplentes:


 Saiba o que você está fazendo

A primeira delas é, antes de tudo, ter uma equipe (ou pessoa) responsável por isso é que ela seja muito bem treinada para tal. Ter um processo e um cronograma bem definidos sobre o que fazer e principalmente como abordar o cliente. Vale mencionar que é muito importante que a pessoa que vai fazer a cobrança saiba muito bem os valores da empresa e também tenha em mente o Código de Defesa do Consumidor para não se meter em furadas. 


Seja gentil

Adotar uma abordagem amigável e respeitosa também vale ouro. Lidar com pessoas é difícil, mas lidar com pessoas que devem para você é ainda pior pois elas já te recebem na defensiva, sabendo que estão erradas. Portanto é imprescindível se colocar no lugar do cliente e tentar entender o que acontece e o real motivo do não pagamento. Isso fará com que ele se sinta acolhido e abaixe a guarda para conversar com você.


Escolha o meio de contato mais apropriado 

Escolher a maneira certa de contato também conta pontos. Talvez um e-mail não seja nem aberto, uma ligação de um número desconhecido seja rejeitada e uma mensagem no WhatsApp ignorada. Isso tudo é corriqueiro e cabe a você entender qual é a melhor ferramenta para entrar em contato com o seu público. Mais uma vez, personalize o contato e a pessoa se sentirá acolhida. Faça com que ela seja alguém e não apenas mais um número na sua conta. 


Negocie e Facilite o Pagamento

Depois desses pontos claros, você precisa estar aberto a negociações. Pode até ser que o devedor não pague tudo, mas uma parte talvez ele consiga. É melhor você receber apenas uma parte do todo do que não receber nada. Esteja disposto a negociar e sentir quanto é que o cliente pode pagar. Descontos e parcelamentos são sempre úteis e bem vindos. 


Facilite os meios de pagamento. Tenha disponível tudo que você puder. Cartão de crédito, débito, boleto bancário, Pix, transferência, PicPay, PayPal, etc. Hoje em dia existem tantas maneiras de receber e uma delas se encaixará mais facilmente com a necessidade do seu cliente. Invista em todas!


 Incentive o pagamento em dia

Oferecer vantagens para quem paga em dia também ajuda a prevenir a inadimplência. E esse agrado pode vir de diferentes maneiras de acordo com seu produto ou serviço. Você pode dar um desconto na próxima compra, ter um cartão fidelidade, ou até mesmo oferecer um serviço extra. O que vale é o cliente sentir que toda vez que ele pagar em dia ele ganha alguma coisa. É um incentivo. 


 Vias de Fato

E se nada disso der certo, você sempre terá a opção de interromper o serviço e negativar o cliente. É um meio um pouco mais ofensivo, mas é uma maneira de tentar reaver o prejuízo. Por último, você pode entrar na justiça e processar o "caloteiro''. Mas lembre-se de que essa alternativa é extremamente burocrática e pode envolver outros custos com empresas de cobrança e advogados. Você vai precisar ponderar e entender até onde vale a pena. 


Por fim

No final de tudo tenha sempre em mente que o cliente não faz isso de propósito, mas que você também tem total direito e dever de cobrar aquilo que é devido. Não leve para o lado pessoal e siga em frente. Não deixe de cobrar, mas também não deixe que isso tire o teu sono e a tua capacidade de crescer como empresa. A melhor maneira de ganhar mais dinheiro é trazer novos clientes e melhorar o seu produto, então cabeça erguida e bola pra frente. 

 





avatar ACEA EVGUENI RATCHEVA
Acea Evgueni Ratcheva
Mãe do Arthur | Head da comunidade Mulheres Empreendedoras | Especialista em Marketing Empresarial e Marketing Intelligence | Consultora no Sebrae Paraná | Empresária do segmento infantilfavorite_outline Seguir Perfil
capa Mulheres Empreendedoras
Mulheres Empreendedoras
people 1783 participantes
Somos uma comunidade de mulheres empreendedoras, que lutam diariamente para superar as dificuldades e chegarmos onde queremos! Somos fortes e empoderadas.
fixo
Em alta
Empreender é sobre Crescer e Contribuir
20 out. 2022Empreender é sobre Crescer e Contribuir
Seja a Influenciadora do seu negócio!
10 ago. 2022Seja a Influenciadora do seu negócio!
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?