Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightNovos Negócioskeyboard_arrow_rightArtigos

Capital de giro Ideal para quem vai começar um novo negócio

avatar PATRICIA FERNANDES VALENTE SANTINI
Patricia Fernandes Valente Santinifavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt2
Capital de giro Ideal para quem vai começar um novo negócio
2 pessoas curtiram esse artigo
Criado em 21 OUT. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

Que tal começar assistindo nosso vídeo?

Depois, não deixe de ler nosso artigo na íntegra ;)


Capital de giro, como calcular? | Blog Controle Financeiro


Como Calcular o Capital de Giro Necessário


Ao abrir um novo negócio, você precisa ter tranquilidade para se manter até que o seu negócio se torne autônomo e caminhe com as próprias pernas. Para que isso seja possível, você precisa ter um planejamento de quais serão os seus gastos para manter sua atividade, qual será a sua remuneração mensal (que deverá continuar existindo) e ainda levar em consideração algumas outras variáveis que vamos abordar agora.


De forma simples, qual é a estimativa de custo para manter o seu negócio ativo nos primeiros dois anos? O primeiro passo é chegar a esse número mágico.


Calcule:

  • folha de pagamento e mão de obra;
  • serviços de segurança e limpeza;
  • matérias primas do produto;
  • aluguel;
  • vale-combustível, vale-refeição e outros benefícios;
  • contas de energia elétrica, telefone e internet;
  • seguros;
  • Manutenção periódica de equipamentos;
  • Impostos;
  • Comissões.


Com tudo isso em mãos, você saberá qual é a estimativa de custo para se manter, porém existem imprevistos e oportunidades que aparecerão no meio do caminho e para estar preparado para isso é importante ter em caixa um valor que supere aquilo que já está comprometido com as despesas futuras. Esse valor extra é o nosso Capital de Giro!


Digamos que você abra uma empresa e venda muito já nos primeiros meses! Seu estoque está zerando e é preciso repor para continuar sua operação. Até aqui, tudo bem, né?


Mas e se os pagamentos foram feitos de forma parcelada? Ou você vai ter que pagar uma taxa relativamente alta para antecipar esses recebimentos (o que vai comer boa parte da sua margem), ou precisa ter um capital de giro para abastecer seu estoque e poder receber estes pagamentos com calma e com o valor completo.



70% das empresa fecha em até 5 anos

(e para metade delas o problema não é falta de faturamento)


10 empresas fecham as portas por dia no Estado | A Gazeta


O tempo entre a venda e o recebimento, como falamos anteriormente, pode ser grande e, nem sempre, estar previsto no seu planejamento. Assim como a inadimplência é um fator real que deve ser levado em consideração.


Você pode ter valores a receber, porém se o devedor atrasar, você precisa estar preparado para superar esse contratempo.


Para isso, temos algumas ideias sobre: 


Como formar seu capital de giro


Se você tem um dinheiro e pretende começar uma empresa, algumas escolhas podem ser melhores do que outras. A primeira ideia que passa pela cabeça de um novo empreendedor é "não ter dívidas" e para isso, se ele tem dinheiro em caixa, acaba comprando equipamentos a vista, adquirindo coisas caras e gastando seu capital para ter o que é necessário para a operação.


Mas pense comigo, se o dinheiro for gasto em equipamentos, por exemplo, e num futuro próximo faltar capital de giro e for necessário pegar um empréstimo, a taxa de juros desse crédito provavelmente será alta, visto que não há garantias reais envolvidas. Já na aquisição de equipamentos (como carros, maquinários etc.), o próprio produto é a garantia do crédito, então seu financiamento possui taxas muito menores e mais acessíveis.


Logo, é mais vantajoso (e prudente) manter seu dinheiro em caixa e financiar a aquisição de máquinas e equipamentos com taxas mais baixas e um prazo em que você considere viável para se estabelecer e amadurecer sua atividade. Lembrando sempre que o cenário muda a todo momento e uma das maiores qualidades de um empreendedor de sucesso é saber se adaptar.


Agora, se você não tem todo o dinheiro que precisa para operar com tranquilidade e ter um capital de giro acima das suas despesas, as opções são: 


  • Refinanciar bens que você já possui (imóveis, automóveis etc.)
  • Buscar um sócio que contribua com capital


Dessa forma o custo do crédito será menor e menos burocrático que outras formas possíveis e disponíveis no mercado.


Espero que esse conteúdo faça sentido para você que está pensando em abrir um negócio, e que você siga em frente com seus planos ;)


Um abraço, Patrícia Santini @paty_santini



avatar PATRICIA FERNANDES VALENTE SANTINI
Patricia Fernandes Valente Santini
Tentar, aprender e tentar novamente.... Esse é o lema que rege minha vida! Gestora de Projetos Especialista em Gestão de Micro e Pequenas Empresasfavorite_outline Seguir Perfil
capa Novos Negócios
Novos Negócios
people 5311 participantes
Um espaço aberto para trocas de experiências sobre novos negócios. Se você já tem uma ideia de negócio, ou ainda não sabe por onde começar, este é o lugar certo! Aqui, você encontra conteúdos para te ajudar a ter sucesso nesta jornada empreendedora ¿¿
fixo
Em alta
Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
16 ago. 2022Sebrae Em Dados - Mercado de Produtos Naturais no Brasil
Sebrae em Dados - Salões de Beleza
15 out. 2022Sebrae em Dados - Salões de Beleza
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?