Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightVarejo keyboard_arrow_rightArtigos

A retomada das Lojas Físicas - Ajustes para sua loja continuar atraente na retomada do comércio de rua

avatar OSMAR DALQUANO JUNIOR
Osmar Dalquano Juniorfavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
A retomada das Lojas Físicas - Ajustes para sua loja continuar atraente na retomada do comércio de rua
Criado em 24 JUL. 2020
text_decreaseformat_color_texttext_increase

 

Traduzindo o propósito no espaço físico. Dicas com soluções acessíveis a todos.

Vamos começar pelas mudanças que são necessárias para incorporar a importância da segurança,  sustentabilidade ambiental e social nas lojas físicas do varejo da moda.

Neste rápido texto, apresentaremos soluções rápidas e de baixo custo, incluindo a NBR 9050 que está vinculado ao estudo da acessibilidade no PDV Ponto de Venda, e aos protocolos de segurança vigentes (nos Estados e nas Cidades). Convém neste caso se informar na sua localidade sobre os protocolos específicos emitidos pela Prefeitura e Governo. Vamos aos principais pontos de atenção para sua retomada nas vendas na loja:

Fachada: destacar a marca, separando-a, se possível, da área de vitrine;

Vitrine: desenvolva um calendário de ações e temáticas para a exposição de produtos, colocando em destaque o item de maior atração, por exemplo, a cor principal da coleção ou um produto de tendência;

Entrada da loja: rampas de acesso diminuem a resistência que os consumidores possuem em subir escadas. Aberturas grandes rompem com a inibição do cliente;

Layout e Circulação: corredores mais amplos, 0,90m a 1,50m ajudam a estabelecer a trilha principal de circulação, permitindo acesso de cadeirantes, pessoas acima do peso, permitem a movimentação do cliente na loja;

Iluminação: conduza o olhar do cliente para os produtos, iluminando-os, por exemplo pesquise como é feita a iluminação nos museus, nas galerias de arte, nas joalherias, se quiser colocar um objeto de iluminação como é o caso de um lustre ou qualquer outro item decorativo, veja se ele auxilia em comunicar o propósito da marca;

Comunicação: cartazes digitais ou impressos contendo contrastes de cores ajudam a leitura visual, pense em seu público principal;

Cores: procure usar as cores de sua marca nos ambientes da loja;

Áreas de Descompressão: são as áreas de descanso da loja, por exemplo o espaço do café, prepare-o para receber seus clientes, como você recebe as visitas em sua casa;

Pontos Focais: crie pontos de atenção e informação na loja, eles são locais de encantamento dos clientes;

Manequins: são representações dos seus clientes, eles se projetam nos manequins, portanto, invista em boas representações e cuide bem deles;

Exposição: proponha coordenações e combinações de produtos, como mini coleções, coloque os acessórios e complementos próximos, para que os clientes vejam as composições;

Provador: é o momento de decisão do cliente, ajude-o a decidir em um ambiente agradável e real, se preocupe com sua intimidade, propiciando iluminação adequada, mais espaço e ventilação, espelhos limpos e de dimensões corretas, piso aconchegante e suportes para cabides, bolsa etc;

Embalagens: pense na sustentabilidade, que ela seja reutilizável, que comunique o propósito da marca e que o cliente se orgulhe em carregá-la.

 

Fica a dica: O momento é de comunicar que sua loja é segura e que foi preparada para atender todos os requisitos de segurança. Por isso, disponibilize álcool gel em locais importantes na loja, como por exemplo na entrada, nos provadores e também no caixa (checkout).  Comunique a assiduidade com limpeza e higienização, demonstrando através de práticas constantes do time de vendedores na arrumação, higienização e organização da loja!  

O touchless, estratégia para a redução de pontos de contato físico para a comprovação de segurança sentida pelo cliente é uma necessidade.  Veja o exemplo aplicado na Rede de Shoppings do Grupo Iguatemi, utilizando sistemas de pagamento do estacionamento por meio do APP da empresa e de sensores nos antigos botões dos elevadores.

No próximo post, vamos tratar mais sobre esse movimento: o touchless!

Bom trabalho, bons negócios e até breve!

 

Cooperaram também com esse artigo os Consultores Heloisa Omine e Otávio Lima.

 

avatar OSMAR DALQUANO JUNIOR
Osmar Dalquano Junior
Empresrio e consultor Especialista com foco em projetos para o varejo de alta performance, Scio Diretor da Retail2Engage, de uma unidade da Mathnasium nos EUA e da Sei de Cor especializada em micro aprendizagem.favorite_outline Seguir Perfil
capa Varejo
Varejo
people 3804 participantes
Um local criado para oferecer ao EMPRESÁRIO DO VAREJO conteúdos relevantes e atualizados, tendências, cursos e interação com atores do ecossistema, gerando conhecimento e networking.
fixo
Em alta
Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
09 nov. 2021Canvas de Vendas: uma ferramenta simples, visual e prática para a sua empresa
Como a automação industrial impacta nossas vidas
09 ago. 2021Como a automação industrial impacta nossas vidas
Para ver o conteúdo completo, bastase cadastrar, é gratis 😉
Já possui uma conta?