Logo Comunidade Sebrae
Home
bedtime
Imagen da logo do Sebrae
icone menu de opções
Iníciokeyboard_arrow_rightDia a dia do Empresáriokeyboard_arrow_rightArtigos

A importância do Feedback

avatar GIULIANA PEREIRA
Giuliana Pereirafavorite_outline Seguir perfil
fixo
thumb_up_alt
A importância do Feedback
Criado em 07 MAR. 2022
text_decreaseformat_color_texttext_increase

No mercado de trabalho atual, uma das mais importantes ferramentas para se utilizar é o feedback, mas, para utilizá-la de forma eficaz, devemos nos atentar a alguns detalhes muito importantes, como quando usá-lo, como, em que ambiente e qual tipo usar para que a mensagem seja entendida e para evitar embaraços ou mal entendidos.

Feedback significa retroalimentação, ou seja, é um retorno que diz respeito a um dado, processo ou informação do passado, que influenciou os resultados do presente. Ele é uma ferramenta de comunicação e troca de ideias muito utilizada cujos registros vêm desde a revolução industrial, e o seu objetivo é sempre buscar pavimentar o caminho para uma melhoria contínua.

Ao trabalhar com uma ferramenta como o feedback , precisamos compreender que existem alguns tipos, e que o feedback positivo é igualmente ou ainda mais importante do que o negativo, e é um poderoso motivador e engajador de colaboradores.

A falta de um feedback é um desmotivador conhecido, isso porque o funcionário que não recebe um retorno costuma acreditar que o seu trabalho e esforço está passando despercebido, e que não é valorizado!

Tipos de Feedback

Existem algumas maneiras de se oferecer o feedback, ele pode ser dado de forma conjunta, para uma equipe, de forma individual, através de uma reunião formal, ou até mesmo em momentos do dia a dia do colaborador. É importante também conhecer quais são os tipos de existentes para, assim, saber em quais situações usar cada um deles.

 Positivo

Um dos tipos mais conhecidos, e ainda assim mais incompreendidos é o Feedback positivo, quando trabalhamos com essa modalidade, é crucial entender que ele é diferente de oferecer um elogio, Ao oferecê-lo, é preciso embasar com fatos ou resultados para que ele possua fundamentação, e não apenas seja oferecido por afinidade.

Quando usa-se apenas elogios como "Você foi show" ou "você arrasou", existe a possibilidade de se gerar ciúmes ou de soar mal entre os colegas, porém, quando embasado conforme o exemplo: "Eu adorei a forma ágil que você contornou o problema que enfrentávamos, continue assim" trazemos a impressão de respeito e de mérito, embasado dessa forma ele traz respeito e incentiva o comportamento, trazendo cada vez mais resultados similares.

Negativo

Quando utilizamos o Feedback negativo, é preciso ainda mais cuidado, ele jamais pode ser utilizado de forma a ofender, magoar ou insultar o trabalho do colaborador, nesse caso vale citar pontos a melhorar ou de atenção, ao invés dos erros propriamente ditos.

Além disso, outra abordagem interessante é tentar compreender o que gerou esse resultado negativo, pois talvez um ajuste de processos ou de prazo já seja suficiente para evitar uma situação futura, e faz com que o funcionário compreenda que está tudo bem, que o revés é parte da tentativa, e que da próxima vez será melhor.

Construtivo

O feedback construtivo é um dos mais eficazes em termos de resultados , ele aborda tanto problemas quanto acertos, e auxilia na construção de um caminho cada vez mais assertivo. Ele coloca o colaborador como protagonista e o gestor como um condutor, que apoia e auxilia de forma secundária. Esse método é o mais utilizado pelos grandes líderes de sucesso, principalmente devido ao seu resultado rápido e efetivo, mas ele também é mais complexo para aplicação, pois considera toda a jornada através de avaliações contínuas e frequentes.

Pessoal

Por fim, o feedback pessoal normalmente reflete as atitudes do colaborador frente a regras e responsabilidades no ambiente de trabalho, como colaboração, pontualidade e a dificuldade em seguir o regulamento interno. Um ponto que se deve tomar cuidado é o de não falar sem pensar ou apenas criticar, todo feedback deve buscar uma melhoria de resultado ou comportamento, além de não poder ofender ou atingir a autoconfiança de ninguém.

Como promover e receber um feedback

Quando promovemos o feedback, existem quatro aspectos que devem ser considerados para que a mensagem seja bem recebida, são eles a compreensão do contexto que levou a necessidade daquele feedback, o comportamento que motivou a reação empregada e levou ao retorno, o impacto causado pelo comportamento e motivado pelo contexto (identifique os fatores produtivos e contraproducentes de cada caso) e a expectativa criada pelos desdobramentos do feedback.

Ao receber o feedback, precisamos ter cuidado para não levá-lo de forma pessoal, e compreender que ele tem como objetivo o crescimento e a superação de uma situação ou problema, portando, ao invés de se ofender, faça perguntas para compreender como superar ou contornar o fato gerador futuramente, dessa forma o gestor compreenderá que você está fazendo e fará o seu melhor para que os seus resultados sejam cada vez mais satisfatórios.

Agora você já está pronto para começar a implantar uma cultura saudável de feedback na sua empresa,  comente abaixo se essa já é uma prática adotada e quais os melhores resultados ou maiores desafios que você encontrou aplicando a ferramenta!


avatar GIULIANA PEREIRA
Giuliana Pereira
favorite_outline Seguir Perfil
capa Dia a dia do Empresário
Dia a dia do Empresário
people 763 participantes
Comunidade digital que reúne conteúdo prático sobre o DIA A DIA DO EMPRESÁRIO de Micro e Pequena Empresa.
fixo
Em alta
4 pequenos negócios rurais lucrativos para 2023
14 dez. 20224 pequenos negócios rurais lucrativos para 2023
Guarulhos se destaca na geração de empregos no Brasil
03 nov. 2023Guarulhos se destaca na geração de empregos no Brasil